19 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Porto Rico suspenderá o toque de recolher

Porto Rico suspenderá o toque de recolher

San Juan 24 Mai (Prensa Latina) Após 14 meses, Porto Rico suspenderá hoje o toque de recolher imposto pela então governadora Wanda Vázquez em meados de março de 2020 com a entrada do coronavírus.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Na ocasião, foi um fechamento total prolongado por vários meses e que paralisou a vida desta ilha caribenha de 3,2 milhões de habitantes, que teve um efeito positivo inicial na contenção da propagação do Covid-19 causada pelo patógeno.

O maior obstáculo enfrentado por Porto Rico foi a impossibilidade de fechar seus aeroportos, já que estar sujeito ao domínio dos Estados Unidos por quase 122 anos é uma questão de jurisdição federal.

Agora, com a entrada em vigor do novo decreto do governador Pedro R. Pierluisi, que tomou posse em janeiro passado, o toque de recolher está sem efeito, enquanto outras restrições são afrouxadas e o governo se prepara para normalizar seu funcionamento com a face do trabalho.

A medida emitida por Pierluisi contém uma flexibilização das medidas a partir desta segunda-feira e vai durar até 6 de junho, segundo o anúncio original, num momento em que o país ultrapassa 2.450 mortes por Covid-19.

Além de eliminar o toque de recolher, um cenário nunca experimentado por gerações de porto-riquenhos por mais de 50 anos, a medida elimina a ocupação de 30% em instalações governamentais que estão caminhando para sua reabertura total.

Paralelamente, os estabelecimentos comerciais e restaurantes poderão funcionar a partir das 05h00, hora local, até à meia-noite, após 14 meses de imobilização, sendo a capacidade dos estabelecimentos comerciais e teatros, entre outros, aumentada para 50 por cento.

Da mesma forma, está autorizado a operar nos coliseus com capacidade de 30 por cento e comprovante do Covid-19 para os auxiliares, exceto aqueles que demonstrem estar vacinados com as doses exigidas.

A obrigatoriedade de uso de máscaras em praias, parques e áreas de exercícios é eliminada, enquanto a capacidade de uso das piscinas é aumentada para 50%.

‘Temos sido conservadores e temos dado resultados, mas temos que abrir aos poucos’, disse o presidente sobre as mudanças que estão em vigor.

Ele esclareceu que o decreto é de duas semanas, pois enquanto os indicadores forem mantidos, serão feitas alterações adicionais, o que pode significar que o próximo decreto ampliará o cenário e terá uma duração maior.

As novas medidas também respondem às pressões exercidas pelos setores econômicos do país diante da paralisia causada pela pandemia.

O ministro da Saúde, Carlos Mellado, informou que 41 por cento da população está totalmente vacinada, enquanto 39 por cento receberam apenas uma dose.

jf/nrm/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.