9 de December de 2021

hlaing

Naypido, 18 out (Prensa Latina) O chefe da junta governante de Mianmar, Min Aung Hlaing, anunciou hoje a libertação de mais de cinco mil pessoas presas por protestar contra o golpe de fevereiro passado. O anúncio vem na sequência de uma decisão da Associação das Nações do Sudeste Asiático (Asean) de excluir o maior general de uma próxima cúpula do bloco.
ÚLTIMO MINUTO