1 de December de 2021

DIREITO

Havana, 23 nov (Prensa Latina) “O reconhecimento da multiparentalidade e das relações socioafetivas caracterizam o esboço do Código da Família em Cuba e o tornam um dos mais inovadorea da América Latina”, destacou hoje um especialista. Em declarações à Prensa Latina, o presidente da Sociedade Cubana de Direito Civil e de Família, Leonardo Pérez, explicou as principais diferenças entre o texto que será apresentado ao Parlamento da ilha para aprovação e a norma vigente que data de 1975.
ÚLTIMO MINUTO