Opinión

Por Manuel Robles Sosa

Lima, 1 de janeiro (Prensa Latina) Uma trilha de expectativas e incertezas marca a entrada do Peru em 2020, com eleições legislativas em apenas algumas semanas e o risco latente de saídas traumáticas para uma crise que muitos consideram estrutural.