Opinión

La Paz (Prensa Latina) Em 1879, a Bolívia não perdeu só seu acesso ao mar, 120 mil quilômetros quadrados de territórios ricos em minérios e 400 km de costa, mas também a oportunidade de exportar cobre, lítio, prata e outros recursos de grande valor no mercado mundial.


La Paz (Prensa Latina) Em 1879, a Bolívia não perdeu só seu acesso ao mar, 120 mil quilômetros quadrados de territórios ricos em minérios e 400 km de costa, mas também a oportunidade de exportar cobre, lítio, prata e outros recursos de grande valor no mercado mundial.


Por Pedro Garcia Hernandez

Damasco, 18 set (Prensa Latina) Em meio as negociações para resolver a situação na província de Idleb, último bastião organizado dos terroristas na Síria, esta nação do Levante sofre há dois dias sucessivos ataques da aviação israelense.


México, (Prensa Latina) As organizações criminosas no México recrutam menores de idade e inclusive os utilizam como bandidos, afirma um relatório dado a conhecer hoje aqui.


Addis Abeba, 12 set (Prensa Latina) Endêmica e mortal são alguns dos qualificativos que os especialistas usam hoje para definir um dos maiores desafios da África: a fome.


Santiago de Chile (PL).- O vôo rasante dos aviões caça Hawker Hunter sobre o centro de Santiago comoveu aos seis jornalistas que na terça-feira 11 de setembro de 1973 permanecíamos nos escritórios de Imprensa Latina.


Por Moisés Pérez Mok *

Brasília (Prensa Latina) Considerando que serão 13 os candidatos presidenciais e cerca de 146 milhões e 800 mil os eleitores registrados, nada mais parece seguro para as próximas eleições gerais no Brasil, cujo primeiro turno se esgotará exatamente dentro de um mês.


Buenos Aires, 5 set (Prensa Latina) A mais de 70 dias de serem despedidos, os 357 trabalhadores da agência estatal argentina de notícias Télam sairão hoje a marchar em uma jornada contra o silenciamento desse emblemático meio de comuniação, apoiados por vários sindicatos.


Por Ibis Frade Brito

Nações Unidas, 3 set (Prensa Latina) Os impactos ocasionados pelo bloqueio estadunidense contra Cuba - cuja aplicação se recrudesce hoje - são tema recorrente durante todo o ano em reuniões e eventos de alto nível na sede da ONU em Nova Iorque.


Por Martha Andrés Román

Washington, 3 set (Prensa Latina) Estados Unidos comemora hoje o Dia do Trabalhador com um balanço misto, pois enquanto registram-se vários indicadores econômicos favoráveis, diversas fontes advertem sobre o aumento da desigualdade e um estancamento dos salários.


Brasília, (Prensa Latina) Sem serem vistos ainda pelo poder público como sujeitos de direito, crianças e adolescentes estão expostos hoje no Brasil a riscos que vão da pobreza extrema à exploração infantil, ou à ameaça crescente de uma morte prematura.