20 de July de 2024
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

O discurso de Bukele sobre a crise encerrou a semana em El Salvador

O discurso de Bukele sobre a crise encerrou a semana em El Salvador

San Salvador, 6 jul (Prensa Latina) Uma cadeia nacional com o presidente Nayib Bukele abordando as três principais crises que El Salvador enfrenta encerrou hoje uma semana também tingida por fortes chuvas e os efeitos da dengue.

O presidente reuniu-se no palácio presidencial com sua administração para avaliar como estão enfrentando as ‘três principais crises’, a temporada de chuvas e suas ameaças, o impacto e enfrentamento da epidemia de dengue e a situação dos preços dos alimentos.

Relativamente a esta última, advertiu os importadores, distribuidores e vendedores de alimentos para que “deixem de abusar das pessoas” e que serão tomadas medidas para obter preços justos e não especulativos como atualmente.

Não se queixem depois, nós vamos agir”, avisou o Presidente.

A propósito da epidemia de dengue, que já causou três mortes entre os menores, mais de 130 hospitalizados e 174 casos positivos, o presidente, os ministros e outros funcionários informaram sobre o vasto plano de fumigação que o país está a implementar para eliminar o mosquito transmissor da doença.

Onze mil pessoas e recursos técnicos consideráveis, incluindo helicópteros das Forças Armadas, estão a participar na campanha, disseram.

Em resumo, a rede nacional de rádio e televisão foi transmitida durante mais de uma hora e 30 minutos, tendo o Presidente analisado com os ministros a forma como cada uma destas emergências foi tratada e as medidas adoptadas para proteger a população e os seus bens durante as tempestades que afectaram o país desde o final de junho.

O esforço para manter a luta contra os gangues e reduzir as taxas de homicídio até 2024, a fim de se tornar a nação mais segura do hemisfério ocidental, também foi notícia.

Bukele destacou numa mensagem nas redes sociais que “junho de 2024 será o mês mais seguro da história do nosso país”.

Destacou também os resultados da luta contra o narcotráfico e a apreensão de 20,6 toneladas de drogas, principalmente cocaína, avaliadas em 444 milhões e 600 mil dólares, desde que o regime de exceção foi aplicado em 2022.

Relatórios militares referem que, de 1 de janeiro a 22 de junho deste ano, foram apreendidas 7,3 toneladas de cocaína com um preço estimado de 183,1 milhões de dólares no mercado clandestino, em diferentes operações no mar.

Durante a semana, não faltaram alertas sobre a ameaça de uma crise alimentar com que se deparam milhares de salvadorenhos devido às perdas de colheitas e à fraca produção de cereais básicos em consequência de fenómenos climáticos.

Pelo menos 100 mil salvadorenhos que vivem no chamado corredor seco poderão enfrentar uma crise alimentar já em agosto, de acordo com um relatório da Fews Net.

rgh/lb/glmv

ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.

EDICIONES