19 de July de 2024
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

A leitura constrói identidades, recordou Arévalo na Guatemala

bernaldo-arevalo

A leitura constrói identidades, recordou Arévalo na Guatemala

Cidade da Guatemala, 4 jul (Prensa Latina) A leitura constrói identidades relevantes, recordou hoje o presidente Bernardo Arévalo ao inaugurar a XXI Feira Internacional do Livro da Guatemala (Filgua), dedicada ao escritor Francisco Pérez e centrada na migração.

No centro de exposições Fórum Majadas da capital, o Presidente afirmou que, para muitos dos que deixam o país para se estabelecerem noutro, a palavra escrita é um elo que ancora o seu espírito.

O chefe de Estado partilhou com os presentes uma reflexão da ensaísta local Lucrecia Méndez, que o evento reconhece e que afirmou que “a leitura transforma-nos e permite-nos adquirir uma visão crítica e abrirmo-nos a vozes que nos são próximas, muitas vezes, por vezes, invisíveis e silenciadas”.

A possibilidade de escrever e publicar textos sobre o país na Guatemala é algo que devemos celebrar, uma atividade que devemos promover e preservar, observou Arévalo, 65 anos, sociólogo de profissão.

Ele considerou que a existência de Filgua é também um sinal do ímpeto das pessoas que ousam pensar grande, mesmo nas condições mais adversas.

O escritor também descreveu como quixotesco o feito de forjar, moldar e disseminar o capital narrativo deste território da América Central.

Numa nação onde muitas pessoas ainda hoje não têm a oportunidade de aprender a ler, onde o tempo de lazer é limitado e onde, até há bem pouco tempo, a repressão e a asfixia do pensamento independente eram a norma”, descreveu.

Do lado do governo,” disse ele, “estamos a trabalhar arduamente, não só para tornar a democracia, incluindo o direito de nos expressarmos livremente e de consumirmos a literatura de que gostamos, uma realidade permanente, mas também para garantir que estes eventos se realizem o mais livremente possível.

Da mesma forma, para que esta sociedade tenha cada vez mais leitores e contadores de histórias, disse Arévalo, que afirmou anteriormente que esta não é a primeira vez que está na Feira, embora algumas pessoas lhe tenham dito que foi a primeira vez que um presidente participou na sua abertura.

Felicitou o Grémio dos Editores, os organizadores, os autores e os trabalhadores das empresas que participam no evento, “uma oportunidade para nos encontrarmos e nos conhecermos, para falarmos, para reflectirmos sobre o que somos”.

Nas suas palavras no evento, explicou que os romances de Francisco Pérez são muitas vezes uma janela para a realidade política nacional, passada e contemporânea.

Esta edição, acrescentou, celebra também o legado e a atualidade do Prémio Nobel da Literatura Miguel Ángel Asturias, 50 anos após a sua partida e 125 anos após o seu nascimento, e congratulou-se com o facto de a Filgua se associar a esta comemoração.

Desde 2000, este festival de possibilidades de conhecimento procura reunir diferentes grupos sociais na Guatemala com o objetivo de estimular a leitura e o pensamento crítico.

ro/znc/glmv

ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.

EDICIONES