20 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Presidente de Cuba pede integração de pessoas com deficiência

Cuba, Díaz-Canel, personas, discapacidad

Presidente de Cuba pede integração de pessoas com deficiência

Havana, 1º jul (Prensa Latina) O presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, destacou a importância da integração e inclusão das pessoas com deficiência em todos os programas que hoje se desenvolvem neste país.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em uma primeira reunião no dia anterior com membros da Associação Cubana dos Fisicamente-Motores Limitados (Aclifim), da Associação Nacional dos Cegos de Cuba (ANCI) e da Associação Nacional dos Surdos de Cuba (Ansoc), o presidente expressou que ainda há lacunas a resolver com esta comunidade, como o acesso ao emprego.

Aqui a questão é sobre oportunidades, aqui aplicamos a igualdade e a justiça social de forma a facilitar a todos que as tenham, salientou. O chefe de Estado estabeleceu como prioridades: incluir representantes destas associações na construção de políticas públicas que se desenvolvem no ordenamento jurídico e aplicar no âmbito de trabalho da Aclifim, Ansoc e ANCI os pilares da comunicação, ciência e inovação e informatização.

Além disso, continuar implementando práticas inclusivas para grupos com deficiência, com a participação de membros dessas organizações.

Da mesma forma, o site da Presidência observou que a reunião teve como centro “a reivindicação de todos de participar da construção de cada momento e tarefa que Cuba empreende”.

Por outro lado, o diretor de prevenção, assistência e ação social, do Ministério do Trabalho e Segurança Social, Belkis Delgado, comentou que a Ansoc, a Aclifim e a ANCI, agrupam mais de 143 mil associados.

Delgado explicou que em março de 2020, a Comissão Executiva do Conselho de Ministros aprovou a política de melhoria dos cuidados e serviços prestados às pessoas com deficiência no país.

Além disso, destacou que existem 17 instituições e órgãos da Administração Central do Estado com programas e políticas de atendimento a esse grupo populacional.

A portaria enunciou como principais desafios para as pessoas com deficiência na ilha a atenção insuficiente nas oficinas denominadas “especiais”, o acesso limitado ao emprego, o uso em órgãos legais de termos pejorativos e a necessidade de focalizar políticas de atenção em todos os territórios do país.

Enquanto isso, destacou como avanços na área a proposta de legalização de Señas Cubanas como língua do povo surdo em Cuba e a expansão dos serviços de interpretação em programas de televisão.

“As pessoas com deficiência têm sido uma prioridade para o atendimento e proteção social”, ressaltou.

Acrescentou que é necessário trabalhar uma norma legal que proteja esta comunidade e estabelecer uma associação para pessoas com deficiência intelectual, o que é uma reivindicação desta parcela da população.

rgh/mks/ls

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.