13 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

China rejeita decisão da OTAN de rotulá-la de desafio

China rejeita decisão da OTAN de rotulá-la de desafio

Beijing, 30 de jun (Prensa Latina) A China expressou hoje rejeição ao novo Conceito Estratégico da OTAN por incluí-lo e rotulá-lo como um desafio aos interesses, valores e segurança do Ocidente, apenas com o objetivo de lançar ataques maliciosos e difamá-lo.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A missão de Beijing na União Europeia denunciou o documento como repleto de ideias da Guerra Fria e viés ideológico, depois de alertar para “respostas firmes e fortes” a qualquer ação prejudicial aos interesses nacionais.

Criticou a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) continue aferrando-se à prática de criar inimigos, confronto entre blocos e problemas em todo o mundo.

“A OTAN afirma ser uma aliança defensiva que respeita a ordem internacional baseada em regras, mas contornou o Conselho de Segurança da ONU e lançou guerras contra estados soberanos, deixando um grande número de vítimas e milhões de pessoas deslocadas”, enfatizou a delegação diplomática.

Criticou a aliança por quebrar seu preceito de não ir além do Atlântico Norte e decidir “mostrar músculos” na região Ásia-Pacífico, após ressaltar que a política externa de Beijing é independente, pacífica, promove o desenvolvimento e a ordem global.

“A China nunca iniciou uma guerra ou invadiu uma polegada do território de outro país. A China não interfere nos assuntos internos de outros ou exporta ideologia, recorre a sanções unilaterais ou coerção econômica”, disse ele.

Entre outras questões, a legação salientou que o progresso do gigante asiático representa uma oportunidade e não é um desafio para ninguém, assim como exortou a OTAN a pôr termo às provocações e desinformação contra o mesmo, ou então deve preparar-se para uma resposta firme e contundente.

A aliança militar atualizou ontem seu Conceito Estratégico durante a Cúpula de Madri, e pela primeira vez apontou a China entre os alertas vermelhos devido ao seu crescente desenvolvimento militar, capacidade nuclear, a eventual reunificação de Taiwan e as disputas territoriais na região.

jf/ymr / fav

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.