13 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Rússia avança apesar da pressão e sanções ocidentais

Rusia, avance, sanciones, Occidente

Rússia avança apesar da pressão e sanções ocidentais

Moscou, 25 jun (Prensa Latina) A China informou esta semana um aumento considerável em suas compras de recursos energéticos da Rússia, que, também junto com a Índia, estão cozinhando alternativas aos sistemas de pagamento ocidentais para evitar sanções contra este país.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O presidente russo, Vladimir Putin, destacou em 22 de junho que nos primeiros três meses de 2022, o comércio nacional com Brasil, Índia, China e África do Sul aumentou 38%, o equivalente a 45 bilhões de dólares.

Em sua mensagem em vídeo aos participantes do Fórum Empresarial do grupo BRICS, o presidente disse que a presença da Rússia nesses quatro países está se expandindo, seus fornecimentos de petróleo para China e Índia estão crescendo significativamente e a cooperação na área agrícola está se desenvolvendo de forma dinâmica.

Também nos últimos dias, o sistema de pagamentos russo Mir publicou em seu site que o banco turco Halkbank se tornou o quinto daquele país a aceitar seu mecanismo de financiamento com cartão.

Atualmente, a Mir opera na Turquia, Vietnã, Armênia, Uzbequistão, Bielorrússia, Cazaquistão, Quirguistão, Tadjiquistão, Ossétia do Sul e Abkhazia, informou sua sede.

Em 18 de junho, a diretora da Agência Federal de Turismo (Rosturizm), Zarina Dogúzova, anunciou que este cartão pode ser usado em 12 países atrativos por turistas deste país, mas não os nomeou por precaução diante da pressão americana, segundo analistas.

Ele observou que a promoção deste sistema em nível internacional é uma das prioridades de Rosturizm, diante dos obstáculos impostos por mais de 10.000 sanções anti-russas.

O secretário-executivo do Comitê Organizador do Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo, Anton Kobyakov, concluiu no sábado passado, resumiu que 691 acordos no valor de 5,639 bilhões de rublos (98,7 bilhões de dólares) foram assinados em Spief.

Segundo o também assessor do presidente russo, cerca de 14.000 pessoas visitaram o local do evento, que contou com a presença de representantes de 130 países -incluindo os Estados Unidos, apesar do boicote ao fórum-, incluindo delegações oficiais de 79 estados.

As últimas cúpulas da União Econômica Eurasiática e do grupo BRICS evidenciaram o interesse de vários países da Ásia, América Latina, África e Oriente Médio em aderir a essas associações às quais a Rússia também pertence.

Nos últimos dias, Putin recebeu um convite das autoridades indonésias para participar da cúpula do Grupo dos Vinte (G20) em novembro, apesar das exigências dos EUA de expulsar a Rússia.

Um resumo semanal da política e das finanças dos EUA no jornal Financial Times, publicado nesta sexta-feira, reconheceu que o Ocidente não está conseguindo o esperado isolamento internacional em relação à Rússia devido ao conflito na Ucrânia.

car/mml/ml

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.