17 de June de 2024
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Mais de 21 mil moradores de Donbass chegaram à Rússia no último dia

Rusia, Ucrania, conflicto, evacuados

Mais de 21 mil moradores de Donbass chegaram à Rússia no último dia

Moscou, 25 jun (Prensa Latina) Mais de 21.000 moradores da região de Donbass, no sudeste da Ucrânia, chegaram à Rússia nas últimas 24 horas, informou hoje o Departamento de Fronteiras do Serviço Federal de Segurança deste país.

Segundo essa organização, cidadãos das autoproclamadas repúblicas populares de Donetsk (DPR) e Lugansk (RPL) atravessaram a fronteira através de postos de controle localizados na região de Rostov.

Nesta sexta-feira, o chefe interino do Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), Karim Atassi, destacou em Moscou que a Rússia está lidando adequadamente e em alto nível com o acolhimento de refugiados da Ucrânia.

Em uma reunião do conselho de especialistas do Comissário para os Direitos Humanos na Rússia, o alto funcionário da ONU observou que o país já recebeu mais de 1,5 milhão de pessoas da nação vizinha.

“É claro que aceitar um número tão grande de refugiados é um grande teste para qualquer Estado. Gostaria de observar que a Federação Russa está lidando com essa tarefa com muita elegância e em alto nível”, disse ele.

O representante do ACNUR explicou que pôde visitar vários Centros de Alojamento Temporário (CAL), incluindo alguns na zona fronteiriça, onde pôde apreciar a forma como os refugiados e requerentes de asilo são acolhidos e alojados.

De acordo com os serviços de emergência russos, um milhão e 934 mil refugiados da Ucrânia e da região rebelde de Donbass chegaram à Rússia até 20 de junho de meados de fevereiro e desse número mais de 307 mil são menores, disse a fonte à agência de notícias Sputnik.

A escalada da evacuação da população civil da DPR e da RPL foi registada em meados de fevereiro devido à intensificação dos bombardeamentos de Kyiv contra aquele território com armas de maior calibre.

No dia 21 daquele mês, Moscou reconheceu a independência e soberania de ambos os territórios e assinou tratados de amizade, cooperação e assistência mútua com seus líderes, que incluíam o estabelecimento de relações diplomáticas e ajuda militar.

Dias depois, em 24 de fevereiro, a Rússia iniciou uma operação militar contra aquele país, depois que as autoridades do DPR e do RPL solicitaram ajuda para repelir o aumento das agressões e ataques intensos.

Em seu discurso para informar sobre o início da operação, o presidente russo Vladimir Putin afirmou que o objetivo é proteger a população de Donbass dos abusos e genocídio de Kyiv durante os últimos oito anos, além de “desmilitarizar” e “desnazificar” Ucrânia.

car/mml/ml

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.

EDICIONES