8 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Chanceler cubano considera que justiça dos EUA restringe direitos

Cuba, EEUU, corte, suprema

Chanceler cubano considera que justiça dos EUA restringe direitos

Havana, 25 de jun (Prensa Latina) O chanceler cubano, Bruno Rodríguez, considerou hoje que as últimas decisões da Suprema Corte dos Estados Unidos restringem os direitos humanos e protegem os interesses de grupos poderosos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em mensagem através da rede social Twitter, o chanceler destacou que o sistema político e judiciário norte-americano restringe os direitos das mulheres, ao mesmo tempo em que defende os dos traficantes de armas. Nesta sexta-feira, a Suprema Corte dos Estados Unidos decidiu marcar um retrocesso histórico ao anular o direito das mulheres de decidir sobre a interrupção da gravidez, o que provocou reações na sociedade civil e no próprio presidente Joe Biden.

Anteriormente, essa instância judicial dos EUA declarou inconstitucional uma lei de Nova Iorque que limita o direito de portar armas escondidas em espaços públicos, considerando que viola a Segunda Emenda sobre armas de fogo.

A decisão ocorre quando a violência aumenta no país devido a tiroteios em escolas e praças públicas, que provocaram demandas por ação do Executivo por parte da população.

A Suprema Corte, que administra o judiciário de acordo com o sistema político dos EUA, tem maioria conservadora depois que o presidente republicano Donald Trump fez indicações para garantir esse desequilíbrio. Seus 9 membros são vitalícios.

oda/jfs/glmv

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.