15 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Quatro feridos após série de terremotos na China

quatro-feridos-apos-serie-de-terremotos-na-china

Quatro feridos após série de terremotos na China

Pequim, 11 jun (Prensa Latina) Autoridades da província de Sichuan (sudoeste da China) confirmaram hoje que quatro pessoas ficaram feridas durante uma dúzia de terremotos que abalaram uma cidade de seu território.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Até agora, 25.790 evacuados afetados e danos à infraestrutura também foram relatados, enquanto quase 3.000 especialistas visitam as áreas afetadas para avaliar a magnitude das perdas materiais.

O primeiro terremoto ocorreu à meia-noite de sexta-feira exatamente na cidade de Barkam, uma hora e meia depois ocorreram outros 6,0 e depois durante o resto do dia houve 10 tremores.

Este evento obrigou a decretar o alerta para catástrofes naturais e o Conselho de Estado enviou uma equipa de especialistas para orientar as operações de socorro.

Há uma semana, um condado de Sichuan sofreu dois fortes terremotos com um saldo de quatro mortos, 14 feridos e mais de 14.000 desabrigados, além de danos a milhares de casas, cinco usinas hidrelétricas e muitas estradas.

Descobriu-se que era uma réplica de um terremoto de sete magnitudes que ocorreu em 2013 com um saldo de 196 mortos e 11.000 feridos.

Sichuan sofre regularmente o impacto de terremotos severos e um deles em 2008 deixou 87.000 mortos e milhares de desaparecidos, pelo que foi definido como o pior registrado na China nos últimos anos.

car/ymr/ml

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.