19 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Premiê britânico mais perto de enfrentar moção de desconfiança

Premiê britânico mais perto de enfrentar moção de desconfiança

Londres, 31 mai (Prensa Latina) Dois outros deputados conservadores britânicos questionaram hoje publicamente a liderança do primeiro-ministro Boris Johnson, que continua a ganhar detratores entre seus correligionários devido ao chamado escândalo da porta do partido.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Até agora, cerca de 40 parlamentares criticaram abertamente o comportamento de Johnson, mas apenas o presidente do comitê do partido em 1922, Graham Brady, sabe o número exato de pedidos recebidos para submeter o presidente a uma moção de censura.

As regras internas da organização estabelecem que o primeiro-ministro só pode ser submetido a um “voto de desconfiança” se 54 deputados – o equivalente a 15% dos 359 membros da bancada conservadora na Câmara dos Comuns – enviarem cartas a Grady para fazer um registro escrito de sua insatisfação.

De acordo com a televisão Sky News, o comitê do partido já recebeu 28 desses pedidos, enquanto o ex-líder conservador William Hague disse à estação online Times Radio na terça-feira que a votação poderia ser realizada já na próxima semana.

As críticas à liderança de Johnson aumentaram significativamente após a publicação na semana passada de um relatório oficial, que culpa o chefe de governo e o restante da liderança do país pelas festas realizadas na 10 Downing Street durante o confinamento pela pandemia de Covid-19.

No documento de 37 páginas, a funcionária Sue Gray concluiu, embora sem mencionar diretamente o presidente, que a liderança política e oficial do país deve se responsabilizar pelas festas que aconteceram na residência oficial do primeiro-ministro em um momento em que a população estava sob estrito confinamento devido ao Covid-19.

Seja qual for a sua intenção inicial, o que aconteceu nessas reuniões e a forma como foram desenvolvidas não estavam de acordo com as medidas em vigor na altura para impedir a propagação da pandemia, disse o responsável, após apurar mais de 15 atividades realizadas em agências governamentais entre 2020 e 2021.

Uma investigação paralela ao “partygate” realizada pela Polícia Metropolitana foi concluída em abril passado com a imposição de mais de cem multas a 83 pessoas, incluindo Johnson, por violar as normas sanitárias em vigor durante os confinamentos.

O primeiro-ministro também está enfrentando uma investigação parlamentar sobre se ele mentiu deliberadamente quando garantiu aos parlamentares em dezembro passado que nenhuma festa ilegal foi realizada em 10 Downing Street e nenhuma regra do Covid-19 foi violada.

Se o pedido de moção de censura for bem sucedido, o primeiro-ministro teria que obter o apoio de metade mais um de seus correligionários conservadores, neste caso 180 votos, para permanecer no cargo.

mgt/nm/ls

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.