27 de June de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Rússia por que EUA não enviam mísseis de longo alcance a Ucrânia

Rússia por que EUA não enviam mísseis de longo alcance a Ucrânia

Moscou, 28 mai (Prensa Latina) O embaixador russo nos Estados Unidos, Anatoli Antonov, disse hoje que seu país espera que o bom senso prevaleça e que Washington não envie mísseis de longo alcance à Ucrânia.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A declaração do representante da diplomacia de Moscou na capital dos EUA respondeu a comentários de vários meios de comunicação dos EUA, segundo os quais a Casa Branca decidiu fornecer a Kyiv vários lançadores de foguetes.

“Essa informação deve ser minuciosamente verificada. Por enquanto, partimos de uma declaração do porta-voz do Pentágono, John Kirby, de que nenhuma decisão final foi tomada a esse respeito”, disse Antonov, que descreveu a medida como “muito provocativa”, informou a agência de notícias TASS.

Ele enfatizou que Moscou comunicou repetidamente a Washington por meio de canais diplomáticos que “o bombeamento sem precedentes de armas na Ucrânia aumenta significativamente os riscos de uma escalada do conflito”.

Ele esclareceu que as autoridades norte-americanas estão “bem cientes” de que com tais ações estão afastando as perspectivas de paz no conflito entre Rússia e Ucrânia.

O chefe da diplomacia russa nos Estados Unidos alertou que Washington está cada vez mais imerso na crise daquele país, com consequências imprevisíveis para a segurança mundial.

“Pedimos o fim do lançamento imprudente e extremamente arriscado de armas no país. É importante rejeitar ameaças contra nós e declarações sobre a vitória militar da Ucrânia”, afirmou.

O jornal The New York Times revelou nos últimos dias que a liderança de seu país aprovou o envio para a Ucrânia de múltiplos lançadores de foguetes como parte do próximo pacote de ajuda a Kyiv que será anunciado na próxima semana.

Segundo o jornal, é provável que a arma seja a M31 GMLRS (Guided Multiple Launch Rocket System) com alcance de 70 a 500 quilômetros, dependendo da munição. Ele explicou que esse tipo de lançador de foguetes pode ser equipado com mísseis guiados, cujos disparos são corrigidos por satélites.

Antonov denunciou que existe o risco de que esses meios sejam implantados perto das fronteiras russas e os ucranianos tenham a oportunidade de atacar cidades deste país, uma situação inaceitável para Moscou, enfatizou.

“Para que o conflito termine o mais rápido possível, Washington e Kyiv devem reconhecer a realidade. Permitiria avançar para um acordo político e evitaria a deterioração da estabilidade internacional”, assegurou o chefe da missão diplomática russa nos Estados Unidos.

car/mml/ml

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.