27 de June de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Semana movimentada na política dos Estados Unidos

Semana movimentada na política dos Estados Unidos

Washington, 21 mai (Prensa Latina) A aprovação de 40 bilhões de dólares para a guerra na Ucrânia, eleições primárias em vários estados e a viagem do presidente Joe Biden ao Extremo Oriente coloriram os acontecimentos políticos desta semana nos Estados Unidos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em 19 de maio, o Senado aprovou um novo pacote de assistência militar à Ucrânia, que é considerado por especialistas como algo que prolongará e aprofundará o conflito.

O projeto, que conquistou o apoio de 86 senadores e a rejeição de 11 deles, deve ser assinado pelo presidente e permitirá que o Pentágono continue a transferência de armas para o país europeu por mais tempo, enquanto os cofres dos militares – complexo industrial estão cheios.

Essa medida foi aprovada na câmara baixa na semana passada, mas sofreu um revés temporário na câmara alta quando o senador republicano Rand Paul se opôs à expansão do apoio às forças ucranianas em meio a problemas econômicos domésticos. Precisamente Paulo foi um dos 11 senadores republicanos que votaram contra a legislação.

Quando o conflito na Ucrânia chega a quase três meses, a possibilidade de uma solução negociada parece cada vez mais distante, alertam analistas que criticam Washington por sua estratégia focada na escalada do confronto militar e das sanções econômicas contra a Rússia.

Por outro lado, as Nações Unidas alertaram que a guerra na Ucrânia ceifará milhões de vidas ao desencadear a pior fome mundial da história.

Por causa do conflito e da falta de interesse do Ocidente em negociações diplomáticas, milhões de toneladas de grãos estão bloqueados para embarque nos portos ucranianos, assim como fertilizantes vitais para a produção em todo o mundo estão esperando na Rússia.

Quando os problemas internos crescem em questões como aborto, falta de comida para crianças, violência com armas de fogo, o presidente Biden começou uma turnê pelo Extremo Oriente no dia anterior, ansioso para demonstrar a suposta liderança americana entre seus aliados.

O presidente passará as próximas horas e o fim de semana visitando a Coreia do Sul e o Japão, buscando fortalecer as alianças entre China e a República Popular Democrática da Coreia, países que ele vê como supostos inimigos naquela parte do mundo. Uma declaração conjunta com Tóquio não está descartada para aumentar a pressão sobre o gigante asiático.

Não surpreendentemente para alguns especialistas, na sexta-feira o juiz Robert R. Summerhays do Tribunal Distrital dos Estados Unidos para o Distrito Ocidental de Louisiana emitiu uma liminar orientando o governo a manter o Título 42 em vigor por enquanto, adiando de fato o que quase certamente seriam dezenas de milhares de novas admissões de imigrantes.

Desta forma, manter-se-á a expulsão de imigrantes, número que já ultrapassa os dois milhões, e está bloqueada uma ação governamental para a suspender na próxima segunda-feira.

O Título 42 é uma ordem de saúde relacionada à pandemia de coronavírus que foi imposta durante o governo Donald Trump e cujo vencimento foi marcado pelo governo Biden para a próxima segunda-feira, 23 de maio, o que abriria as portas para requerentes de asilo na fronteira pela primeira vez. tempo em mais de dois anos.

Vinte e quatro estados, liderados pelo Arizona, Louisiana e Missouri, processaram em 3 de abril, dois dias depois que os Centros de Controle e Prevenção de Doenças anunciaram o levantamento da ordem de saúde pública, argumentando que a aplicação contínua do Título 42 era necessária para evitar a ameaça de uma “onda de migração ilegal e tráfico de drogas”.

car/lb/as

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.