7 de July de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Aprovado plano para liberar água radioativa armazenada em Fukushima

Aprovado plano para liberar água radioativa armazenada em Fukushima

Tóquio, 18 de mai (Prensa Latina) A Autoridade de Regulação Nuclear do Japão (NRA) aprovou hoje um plano preliminar para liberar água radioativa tratada encontrada dentro da usina nuclear de Fukushima I, informaram fontes locais.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em princípio, o líquido, livre de radionuclídeos, exceto trítio, será diluído com água do mar a 40% (de acordo com os regulamentos de segurança japoneses) e será lançado no oceano a um quilômetro da usina por meio de um duto.

Liderando as operações de descarga, programadas para 2023, estará a Tokyo Electric Company (Tepco), que poderá construir as instalações necessárias quando receber o consentimento das cidades vizinhas de Fukushima I, especificou a agência Kyodo.

A decisão da NRA se baseia em discussões anteriores sobre o método de verificação da concentração de trítio e outros poluentes na água armazenada, bem como a avaliação do impacto no meio ambiente e nas pessoas, publicou a NHK.

O órgão de controle examinou ainda o funcionamento do sistema de diluição e o protocolo a seguir para suspender a descarga em situações extraordinárias como avarias de equipamentos, sismos ou tsunamis.

A decisão da NRA será oficial e final após ouvir as opiniões do público, que até hoje manteve uma posição relutante sobre a liberação de água radioativa.

A propósito, o secretário-chefe do gabinete, Hirokazu Matsuno, disse em entrevista coletiva que a Autoridade Reguladora Nuclear e a Agência Internacional de Energia Atômica confirmarão firmemente a segurança.

Salientou ainda que o seu governo vai trabalhar para conseguir o entendimento das partes interessadas, desde os pescadores e consumidores aos países e regiões vizinhas, com quem manterá uma comunicação constante e clara.

Após o acidente atômico de 2011 no Japão, a água usada para resfriar os reatores nucleares derretidos de Fukushima I se acumulou em contêineres dentro do complexo, também misturada com águas pluviais e subterrâneas contaminadas.

O governo japonês decidiu que a crescente quantidade de água tratada não pode continuar sendo armazenada nas instalações da usina e depositou sua confiança no plano elaborado pela Tepco.

mem/lcp / fav

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.