21 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Vacinação anti-Covid- 19 intensificada em menores costarriquenhos

Vacinação anti-Covid- 19 intensificada em menores costarriquenhos

San José, 3 mai (Prensa Latina) O Fundo Costarriquenho de Seguridade Social (CCSS) intensifica hoje a vacinação anti-Covid-19 de menores entre 5 e 11 anos, tendo em vista que178.321 não iniciaram o esquema de proteção contra esta doença.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O diretor da Rede de Serviços de Saúde do CCSS -responsável pela saúde pública – Eduardo Cambronero, indicou que as equipes técnicas das 105 áreas da entidade visitam escolas e faculdades de suas comunidades para aplicar vacinas pediátricas contra a Covid-19.

Além disso, prosseguiu, para completar os calendários de vacinação de adolescentes e professores, e salientou que as vacinas utilizadas no país são seguras e eficazes, reduzem complicações causadas pela doença, hospitalização e risco de morte.

Especificou que o Ministério da Educação Pública (MEP) sempre abriu as portas para as equipes levarem as vacinas às escolas, estratégia que, explicou, começou em março e é reforçada nestas semanas.

Por sua vez, o diretor de Gestão e Desenvolvimento Regional do MPE, Ricardo Riveros, destacou que, como parte das ações de coordenação e apoio ao processo, seu ministério emitiu uma circular que estabelece a colaboração com o CCSS e o Ministério da Saúde para contribuir com a vacinação.

Sublinhou que exortam os pais a vacinarem os seus filhos e os centros educativos que disponham de instalações para esse fim.

A diretora do Hospital Nacional da Criança, Olga Arguedas, destacou que o CCSS faz grandes esforços para levar as vacinas aos centros educativos.

Evite, argumentou, que os seus filhos se juntem às 718 crianças que já tivemos internadas por Covid-19, das quais 129 estavam na Unidade de Cuidados Intensivos. Vacinar -se é sempre a melhor alternativa, insistiu Arguedas.

Além dos 178.321 menores de idade entre 5 e 11 anos que ainda faltam para iniciar o esquema, os dados do Sistema Integrado de Vacinação (SIVA) mostram que no grupo de 12 a 17 anos, 25.918 adolescentes estão pendentes de começarem o esquema de vacinação, 37.463 sem a segunda dose e 188.000 sem a terceira.

O CCSS lembrou que o esquema é composto por duas parcelas, sendo a segunda aplicada 21 dias após a primeira.

Explicou que até à data foram aplicadas 602.925 injeções, destas 347.170 correspondem à primeira e 255.755 à segunda.

Entretanto, disse, o esquema de proteção para maiores de 12 anos é de três doses, a segunda 21 dias após a primeira e a terceira quatro meses após a segunda.

acl/ale/cm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.