28 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

López Obrador confirma intenção de nacionalizar o lítio mexicano

López Obrador confirma intenção de nacionalizar o lítio mexicano

Cidade do México, 18 de abril (Prensa Latina) O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, confirmou hoje que buscará nacionalizar o lítio, por isso o projeto de lei que enviou ao Congresso cuja aprovação requer apenas maioria simples.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O anúncio foi feito em sua coletiva de imprensa matinal no Palácio Nacional, dedicada principalmente à rejeição, ontem na sessão plenária da Câmara dos Deputados, da reforma elétrica que buscava fortalecer a soberania energética do México.

O presidente relembrou que havia um acordo de incluir o lítio nessa lei da reforma eléctrica, mas, como não havia perspectiva de formar um maioria qualificada – o que aconteceu – e o lítio tinha de ser preservado dos anseios das empresas estrangeiras, decidiu-se fazer a proposta por meio da Lei de Mineração.

Convidou os legisladores a votarem a favor porque para isso não são necessários dois terços, mas apenas uma maioria simples, de que é dispõe a coligação governamental Juntos fazemos história, e pediu-lhes que vejam a possibilidade de votá-la e aprová-la nesta segunda-feira, para que que amanhã esteja garantida a proteção legal deste mineral estratégico.

Se a medida for aprovada, anunciou ele, será estruturada uma empresa semelhante à Comissão Federal de Eletricidade, que cuidará de tudo o que for relacionado ao lítio e que terá o apoio de centros de pesquisa e empresas de outros países.

Ele disse que as grandes empresas que fabricam automóveis e passaram a produzir carros elétricos precisam de lítio e aumentam cada vez mais o preço, porque em 10 anos aumentaram 10 vezes no mercado mundial, e vamos proteger nosso lítio para o usufruto e benefício desta geração e das futuras.

Esclareceu que a nova Lei de Minas dá continuidade aos contratos de concessões para o resto da mineração, exceto lítio, e “não há nada para eles, esse mineral pertence à nação e será administrado diretamente pelo Estado através de uma empresa para explorá-lo . Vamos explorá-lo, extraí-lo, industrializá-lo e vendê-lo”.

Disse que os deputados, traidores do país, nem percebem o mal que fizeram ao votar contra a reforma eléctrica, porque “não conhecem a importância do lítio e a ambição que desperta nas grandes potências”.

Explicou que se tratá um mineral estratégico para o desenvolvimento futuro, que substituirá o petróleo e não será possível modernizar a indústria sem ele, por isso tão cobiçado.

mgt/lma/bj

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.