25 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Testemunho um terremoto

Nicaragua, Managua, antigua, catedral

Testemunho um terremoto

Por Danay Galletti Manágua, 17 abr (Prensa Latina) A antiga catedral de Manágua perpetua o exato momento em que ocorreu um dos eventos mais devastadores da capital da Nicarágua: o terremoto de 23 de dezembro de 1972.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O fenômeno natural devastou a cidade e praticamente não deixou nada de pé, segundo o historiador local Clemente Guido, embora o relógio da torre do lado sul daquela instituição religiosa marque definitivamente as 12h35 daquela fatídica manhã.

Também conhecida como Catedral Metropolitana de Santiago Apóstol, a obra se destaca por seu estilo neoclássico, e sua estrutura imponente, danificada por rachaduras e pelo desaparecimento de algumas janelas, assemelha-se à Igreja de Saint-Sulpice, em Paris, na França.

O referido terremoto, de magnitude 6,2 na escala Richter, “deixou a cidade de joelhos, mas não derrotada”. Infelizmente, disse Guido ao Orbe, a ambição do então ditador Anastasio Somoza Debayle interrompeu a reconstrução do seu centro patrimonial, edifícios, espaços emblemáticos e identidade.

Somoza decretou estado de sítio nos 500 blocos de terra, cercou-os com arame farpado e confiscou todas as propriedades sob o argumento de uma suposta recuperação ordenada. Só trouxe abandono em tempos de seu mandato (o segundo, 1974-1979), disse o também diretor de Cultura e Patrimônio Histórico da Prefeitura de Manágua.

Esse último ano marcou o triunfo da Revolução Sandinista e os novos representantes da vontade popular no poder tentaram, “com grande esperança”, renovar a capital, mas tiveram que enfrentar a guerra contra-revolucionária dos anos 1980, financiada pelos Estados Unidos.

Há três décadas, data da volta ao poder do presidente Daniel Ortega, começou o verdadeiro resgate da capital, segundo o especialista, e “agora a chamo de cidade luz porque antes vivia nas sombras”.

(Retirado de Orbe)

/hb

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.