21 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

A renda per capita do Afeganistão caiu mais de um terço

Afganistán, renta, per cápita, caída

A renda per capita do Afeganistão caiu mais de um terço

Cabul, 14 abr (Prensa Latina) A renda per capita do Afeganistão caiu mais de um terço no último trimestre de 2021, de acordo com uma atualização regional semestral do Banco Mundial divulgada hoje nesta capital.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A instituição financeira reconheceu que o Afeganistão está enfrentando uma crise humanitária sem precedentes, informou a agência de notícias afegã Pajhwok.

“Um dos países mais pobres do mundo ficou muito mais pobre”, disse Tobias Haque, economista-chefe do Banco Mundial para este país.

O isolamento da economia afegã após a crise política que começou em agosto passado corre o risco de causar pobreza severa, deslocamento, fragilidade e ameaças de extremismo, disse o credor em um briefing.

De acordo com a atualização, cerca de 37% das famílias não tinham dinheiro suficiente para comprar alimentos. Nas condições atuais, as perspectivas para a economia são terríveis, com o produto interno bruto (PIB) per capita real do país devendo encolher 34% até o final de 2022, se a situação atual persistir, alertou o Banco Mundial.

Enquanto isso, 75% da população não recebe comida suficiente e 58% não encontra abrigo.

A ONU disse que as pessoas com fome aguda no Afeganistão aumentaram para 23 milhões em março e a situação afeta principalmente as crianças, pois 3,5 milhões de crianças precisam de tratamento nutricional.

Atualmente, 97% dos afegãos vivem abaixo da linha da pobreza e mais da metade da população precisa de assistência.

Desde a ascensão do movimento Talibã ao poder em Cabul, o Afeganistão precisa de assistência internacional urgente.

O grupo armado fundamentalista islâmico radical assumiu o controle do país em agosto de 2021, enquanto os Estados Unidos e a OTAN retiraram suas tropas após 20 anos de intervenção, com milhares de civis mortos.

A ocupação militar dos EUA, que custou ao contribuinte norte-americano mais de dois trilhões de dólares, segundo cálculos da Brown University, deixou 38 milhões de afegãos em apuros.

O cenário é cada vez mais difícil com a estagnação da ajuda externa, o colapso da economia, a paralisação dos sistemas bancário e financeiro e a perda de milhões de empregos.

mem/abm / fav

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.