28 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Chanceler denunciou o uso dos DDHH como instrumento pelos EUA

ddhh

Chanceler denunciou o uso dos DDHH como instrumento pelos EUA

Havana, 13 de abr (Prensa Latina) O chanceler cubano, Bruno Rodríguez, denunciou hoje o uso pelos Estados Unidos da questão dos direitos humanos como instrumento utilitário contra países que não estão subordinados a seus interesses.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Por meio de sua conta no Twitter, o ministro das Relações Exteriores condenou que, ao mesmo tempo, a nação do norte “recompensa e financia governos com um histórico terrível” nesse assunto.

Na véspera, o Departamento de Estado divulgou seu mais recente relatório anual sobre direitos humanos no mundo, no qual evita expor seus problemas internos ao apontar o que está acontecendo em outros países.

Rodríguez afirmou propositalmente que o bloqueio econômico, comercial e financeiro dos Estados Unidos constitui a principal violação das garantias dos habitantes da ilha.

Ele também afirmou que o documento manipula a questão para subverter a ordem constitucional da nação.

Enquanto isso, a vice-diretora do Ministério das Relações Exteriores dos Estados Unidos, Johana Tablada, descreveu a implementação de uma política enganosa, que desperdiça milhões em uma campanha de desinformação em grande escala contra Cuba, sua população, sistema de saúde e fontes legítimas de renda.

Ele também denunciou a repressão sofrida pela população tanto dos Estados Unidos quanto de outros países, que recebem tratamento preferencial dele.

Justamente no dia anterior, a National Urban League (NUL) também divulgou um relatório sobre a situação da população negra nos Estados Unidos em 2022 e suas conclusões mostraram um reflexo da desigualdade e do racismo sistêmico naquele país.

O documento aponta que a população afrodescendente está em desvantagem em aspectos como a renda econômica, que é 37 porcento inferior à dos brancos, e é menos provável que se beneficie da casa própria.

Além disso, em vários estados há restrições à possibilidade de realizar abortos, enquanto em vários territórios o acesso às urnas por minorias é dificultado.

mgt/lrg/glmv

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.