19 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Assembleia Nacional do Paquistão elege hoje novo primeiro-ministro

Assembleia Nacional do Paquistão elege hoje novo primeiro-ministro

Islamabad, 11 abril (Prensa Latina) A Assembleia Nacional do Paquistão elegerá hoje um novo primeiro-ministro após a demissão do anterior, Imran Khan, por meio de uma moção de censura.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Os dois candidatos aprovados para o cargo são Shehbaz Sharif, presidente da Liga Muçulmana do Paquistão-Nawaz (PML-N), e o ex-ministro das Relações Exteriores Shah Mahmood Qureshi, informou a Rádio Paquistão. Sharif foi designado pelos partidos da oposição como seu candidato conjunto, enquanto Qureshi foi proposto pelo agora governante Paquistão Tehreek-e-Insaf (PTI), informou o portal ARY News.

Khan foi deposto do governo depois que o corpo legislativo debateu a questão por mais de 12 horas e 174 deputados de 342 registraram seu voto de desconfiança, informou o site Geo News.

Pela primeira vez no Paquistão, um primeiro-ministro em exercício é demitido por meio de uma moção de censura, pois dois outros contra os quais tal resolução foi convocada renunciaram antes da votação.

Após sua queda, o PTI organizou protestos nas principais cidades, incluindo Lahore, Sialkot, Sahiwal, Karachi e Rawalpindi no domingo.

Os manifestantes eram a favor do ex-primeiro-ministro e contra uma suposta conspiração dirigida do exterior.

O protesto começou durante a sessão do Parlamento no sábado, mas as manifestações se intensificaram no domingo depois que Imran Khan anunciou no Twitter o início da luta contra a conspiração de mudança de regime estrangeiro.

Khan também discutiu seus planos futuros durante seu discurso final de primeiro-ministro à nação na sexta-feira, pedindo às massas que saíssem às ruas contra o que ele chamou de governo importado.

Ele prometeu que não ficará de braços cruzados e continuará a lutar contra a intervenção estrangeira nos assuntos internos do Paquistão.

Ele enfatizou que a nação terá que decidir em que tipo de Paquistão quer viver e que as massas devem proteger a democracia e a soberania do país e não o exército.

A crise política eclodiu quando o fundador do PTI Imran Khan perdeu sua maioria parlamentar depois que o Movimento Muttahida Qaumi e o Partido Awami do Baluchistão deixaram a coalizão governante.

O ex-capitão da seleção nacional de críquete vencedora da Copa do Mundo de 1992 foi eleito o 22º primeiro-ministro do Paquistão em 2018.

jf/abm/ls

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.