21 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Sentença ratificada contra o herói que inspirou o filme Hotel Ruanda

Hotel Ruanda, héroe, sentencia, ratificación

Sentença ratificada contra o herói que inspirou o filme Hotel Ruanda

Kigali, 5 abr (Prensa Latina) Um tribunal da capital ratificou a sentença de 25 anos de prisão para Paul Rusesabagina, o herói e ex-hoteleiro que inspirou o filme Hotel Rwanda, segundo notícias de hoje.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Rusesabagina foi condenado em setembro do ano passado por acusações de terrorismo por seu papel de líder do Movimento Ruandês para a Mudança Democrática, o braço político da Frente de Libertação Nacional rebelde, que reivindicou a responsabilidade pelos ataques de 2018 e 2019.

O Tribunal Superior para Crimes Internacionais e Transfronteiriços condenou o ex-gerente e outros 20 pelos ataques, o que deixou pelo menos nove pessoas mortas.

A acusação está buscando prisão perpétua para o antigo gerente interino do hotel Mille Collines em Kigali, que em 1994 abrigou mais de 1.200 Tutsis e Hutus moderados dentro do estabelecimento durante o genocídio no qual entre 800.000 e 1 milhão de pessoas, principalmente Tutsis, foram massacradas.

Callixte Nsabimana, conhecido como Sankara e outro dos principais réus no julgamento, teve sua sentença reduzida de 20 para 15 anos de prisão porque admitiu sua responsabilidade durante o julgamento e deu informações para determinar as atividades da Frente. A única mulher julgada no processo, Angelina Mukandutiye, teve sua pena de prisão aumentada de cinco para 20 anos porque ela tinha uma sentença anterior por crimes de genocídio.

Rusesabagina, um feroz opositor do Presidente Paul Kagame, foi preso em agosto de 2020 quando saiu de um avião em Kigali, quando pensava que estava viajando para o Burundi. Tanto ele quanto seus advogados disseram que ele foi sequestrado nos Emirados Árabes Unidos.

O prisioneiro acusa Kagame de autoritarismo e de alimentar o sentimento anti-Hutu. Ele também alegou ter sido vítima de processos políticos, bem como de maus-tratos na prisão.

mgt/ro/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.