23 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Etiópia inicia repatriação de migrantes da Arábia Saudita

Etiopía, repatriaación, ARabia Saudita

Etiópia inicia repatriação de migrantes da Arábia Saudita

Adis Abeba, 30 mar (Prensa Latina) O governo etíope inicia hoje o repatriamento de centenas de cidadãos que vivem em condições extremas ou estão detidos em prisões na Arábia Saudita, conforme anunciou recentemente o Ministério das Relações Exteriores.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

De acordo com um comunicado do ministro de Estado dos Assuntos Internacionais, Birtukan Ayano, a comissão composta por 16 instituições e criada para supervisionar o regresso dos migrantes, tomou todas as providências para iniciar a transferência na quarta-feira.

Nas últimas semanas, representações dos dois países realizaram consultas para facilitar o retorno e uma delegação etíope deslocou-se a Riad, capital saudita, com o objetivo de definir os detalhes logísticos e jurídicos do processo.

Além de reintegrar os repatriados às suas famílias, as autoridades, em parceria com várias organizações, vão reintegrar e reabilitar de forma sustentável, de acordo com as suas competências e qualidades.

No início do mês, a Chancelaria anunciou que a chegada de cidadãos da nação asiática começaria em três semanas, mas depois anunciou que seria antes do início de abril.

Entidades federais estão trabalhando para devolver mais de 102 mil etíopes da Arábia Saudita, informou o vice-primeiro-ministro Demeke Mekonnen em 4 de março, acrescentando que líderes religiosos e organizações civis participaram das negociações para conseguir a repatriação.

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, até agora mais de 35 mil manifestaram interesse em retornar, registrando-se no registro formalizado em Riad.

A Etiópia espera que o número de interessados cresça gradualmente devido a cerca de 750 mil etíopes que residem naquele Estado, 300 mil já têm status legal, mas 450 mil não possuem documentos e estão em situações calamitosas devido a várias circunstâncias.

ode/raj/glmv

ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.