21 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Governo chileno reitera seu compromisso com o diálogo na região sul

Chile, gobierno, paz, Araucanía

Governo chileno reitera seu compromisso com o diálogo na região sul

Santiago do Chile, 15 mar (Prensa Latina) As autoridades chilenas ratificaram sua decisão de buscar uma solução pacífica em La Araucanía, apesar dos tiros disparados hoje quando a nova Ministra do Interior, Izkia Siches, passou pela região.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O incidente ocorreu na comunidade de Temucuicui durante a primeira visita do Ministro à chamada Macrozona Sul, cenário de um conflito entre o Estado e a comunidade mapuche que exige o retorno de suas terras ancestrais e onde foram registrados atos de violência nos últimos anos.

“Com mais convicção do que nunca, reafirmamos nosso caminho. A violência não nos deterá”, escreveu a ministra em sua rede social no Twitter.

Siches se encontrou na região com Marcelo Catrillanca, pai do jovem Camilo Catrillanca, que foi baleado na cabeça pela polícia Carabineros em 2018.

O objetivo de sua visita foi reunir-se com todos os atores afetados e envolvidos pelas tensões e conflitos na área, incluindo comunidades indígenas, vítimas da violência, o multissindicato que reúne os principais setores produtivos, prefeitos, governadores e delegados presidenciais.

Outro objetivo da viagem foi preparar as condições para o fim do estado de emergência imposto pelo governo anterior, o que permite que as forças armadas sejam destacadas para lá.

A porta-voz do governo, Camila Vallejo, insistiu na terça-feira sobre a necessidade de acabar com a militarização na Macrozona Sul e iniciar o diálogo com as comunidades Wallmapu.

“O caminho que decidimos seguir para enfrentar a situação que sabíamos que ia ser difícil. Sabemos que provavelmente há muitos que não querem diálogo”, declarou Vallejo após o incidente.

Disse que foram disparados tiros no ar quando a comitiva passou, mas ninguém foi ferido ou veículos danificados.

“Entendemos que foi uma medida de intimidação e que não foram disparados tiros contra os veículos”, disse o governador de La Araucanía, Luciano Rivas.

oda/car/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.