20 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Elefantes morrem após digerir lixo plástico no Sri Lanka

elefantes-morrem-apos-digerir-lixo-plastico-no-sri-lanka

Elefantes morrem após digerir lixo plástico no Sri Lanka

Colombo, 15 jan (Prensa Latina) Conservacionistas e veterinários alertaram hoje que resíduos plásticos de um lixão no leste do Sri Lanka estão matando elefantes na região, depois que outros dois paquidermes mortos apareceram.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Cerca de 20 elefantes morreram nos últimos oito anos depois de consumir lixo plástico no lixão da aldeia de Pallakkadu, no distrito de Ampara, 210 quilômetros a leste de Colombo, informou o jornal The Sunday Morning.

Exames forenses mostraram que eles ingeriram grandes quantidades de plástico não degradável, disse o veterinário Nihal Pushpakumara.

Polietileno, embalagens de alimentos, plástico, outros materiais indigeríveis e água foram observados nas autópsias.

Os elefantes estão em perigo de extinção e seu número diminuiu de 14.000 no século 19 para 6.000 em 2011.

A espécie está cada vez mais vulnerável devido à perda e degradação de seu habitat natural.

Muitos elefantes se aproximam de assentamentos humanos em busca de comida, e alguns são mortos por caçadores furtivos ou fazendeiros irritados com os danos às suas plantações.

Paquidermes famintos vasculham resíduos de aterros sanitários e consomem plásticos e objetos pontiagudos que danificam seus sistemas digestivos, explicou Pushpakumara.

Existem 54 lixões no deserto do país e cerca de 300 elefantes vagam perto deles, disseram autoridades.

msm/abm/ml

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.