17 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Mais festas ilegais reveladas nos escritórios de primeiro-ministro

johnson-poe-fim-a-quarentena-obrigatoria-pela-covid-19-no-reino-unido

Mais festas ilegais reveladas nos escritórios de primeiro-ministro

Londres, 14 de jan (Prensa Latina) Novas revelações de que a equipe do gabinete do primeiro-ministro britânico Boris Johnson realizou duas festas na véspera do funeral do príncipe Philip hoje adicionaram mais pressão sobre o já problemático governante.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Segundo o jornal The Telegraph, conselheiros e funcionários que trabalham em Downing Street estavam em farra até as primeiras horas da manhã de 17 de abril, dia em que a rainha Elizabeth II enterrou seu marido, o duque de Edimburgo, mesmo diante das restrições impostas pela Covid-19 realizaram reuniões proibidas em espaços fechados.

O jornal detalhou que uma das comemorações era pela demissão do então chefe de imprensa de Johnson e agora vice-editor do tablóide The Sun, James Slack, que na sexta-feira se desculpou “sem reservas” pelo que aconteceu. A outra festa foi organizada por um dos fotógrafos pessoais do primeiro-ministro, embora de acordo com o The Telegraph, os participantes de ambas as festas convergiram posteriormente nos jardins do complexo governamental.

Embora Johnson não tenha participado dessas folias porque estava na residência de campo dos Chequers, as novas revelações podem acabar com suas esperanças de permanecer no cargo depois de admitir na última quarta-feira que esteve em outra festa de Downing Street em maio de 2020 momento em que o país se encontrava em confinamento desde a primeira onda da pandemia.

Como diabos o primeiro-ministro pode agora aparecer diante da rainha novamente, olhar nos olhos dela e fingir que está tudo bem? perguntou a deputada trabalhista Emily Thornberry, falando à rede Sky News, ao mesmo tempo em que lhe dava uma nova exortou Johnson a renunciar.

O ministro da Segurança, Damian Hinds, também se disse surpreso com as novas revelações na sexta-feira, admitindo que ações devem ser tomadas com as pessoas envolvidas, mas, como outros membros do gabinete, reiterou seu apoio a Johnson.

O primeiro-ministro, que na véspera anunciou que ficaria alguns dias em auto-isolamento porque um membro da sua família testou positivo à Covid-19, garantiu esta quarta-feira no Parlamento que vai aguardar os resultados de uma investigação interna que ele mesmo encomendou.

Até agora, cerca de meia dúzia de parlamentares conservadores se juntaram a oponentes e mais da metade dos eleitores britânicos, em uma pesquisa, pediram que ele renuncie.

acl / nm/ mmd

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.