24 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Síria reitera que Cuba é um farol de soberania e independência

Siria, Cuba, solidaridad

Síria reitera que Cuba é um farol de soberania e independência

Damasco, 11 jan (Prensa Latina) A assessora especial da Presidência síria, Bouzeina Shabaan, reiterou hoje que Cuba é há mais de meio século um farol de decisão nacional independente, apesar do bloqueio injusto dos Estados Unidos, ameaças e desafios.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em artigo de opinião publicado no jornal nacional Al-Watan, a alta funcionária considerou que o exemplo de Cuba encorajou o processo progressista e de independência na Bolívia, Venezuela e Brasil, e recentemente no Chile com a vitória de Gabriel Boric do bloco de esquerda.

“Com esta vitória, o Chile se junta oficialmente ao eixo dos países latino-americanos democráticos que se opõem à hegemonia dos EUA”, disse.

De acordo com sua reflexão, a vitória da esquerda e dos movimentos de libertação, e o fracasso dos EUA em tentar mudar o governo na Venezuela após a derrota de Juan Guaidó, fizeram com que Washington deslocasse seu esforço desestabilizador para a Eurásia.

“Parece que os Estados Unidos deslocaram seu foco de atenção de seu costumeiro quintal na América Latina para a Eurásia, em uma tática para desestabilizar a Rússia e a China, e assim tentar garantir a sobrevivência de sua hegemonia sobre as capacidades e riquezas dos países”, disse Shabaan.

A leitura inicial do que se passa no Cazaquistão, segundo a responsável, sugere que o mundo entrou na era das lutas pelo poder entre os Estados Unidos, por um lado, e a Rússia e a China, por outro, e onde as frentes comuns estão a arder na Ucrânia, Sérvia, Cazaquistão e Taiwan.

Concluiu-se que a Rússia e a China possuem fatores fortes e eficazes, mas os mecanismos de ação ocidentais estão profundamente enraizados e desenvolvidos ao longo de décadas, o que torna inevitável que Moscou e Beijing coordenem esforços entre si e com os países que aderirem ou venham a aderir mais cedo ou mais tarde às suas posições.

jha/fm/cm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.