15 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Panamá com recuperação na Covid-19 e rejeição de novos salários

Panamá, Covid-19, repunte, rechazo, nuevos, salarios

Panamá com recuperação na Covid-19 e rejeição de novos salários

Panamá, 2 de jan (Prensa Latina) Os protestos dos sindicatos contra os reajustes salariais decretados pelo governo e a repercussão positiva da Covid-19 que hoje atinge o país marcaram a semana de notícias no Panamá.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Após o anúncio do Executivo sobre os novos salários que governarão por dois anos, a Confederação Nacional dos Sindicatos Independentes (Conusi) qualificou a medida de escárnio e insuficiente devido ao alto custo de vida.

O secretário-geral da entidade, Marco Andrade, anunciou entrevista coletiva amanhã para falar ao país e manifestar repúdio à medida, que abrange apenas alguns setores.

No entanto, deixa a maioria dos trabalhadores e suas famílias sem proteção contra o aumento dos preços das necessidades básicas.

As estatísticas oficiais indicam que no Istmo em novembro passado, a inflação acumulada atingiu 1,5%, enquanto o crescimento anual foi de 3,4%. No Panamá existem cerca de 40 salários mínimos, dependendo da atividade econômica e da região do país, mas a lei estabelece que eles devem ser reajustados a cada dois anos, após um consenso de empregadores e trabalhadores, o que não acontecia em 2021 – como é tradicional – pelo qual o Executivo tomou a decisão.

Por outro lado, as autoridades de saúde previram uma recuperação nas infecções e doenças da Covid-19 para o final deste mês e fevereiro, devido à chegada da variante Ômicron do SARS-CoV-2.

O assessor do Covid-19 Vaccine Research Consortium, Eduardo Ortega, explicou que o cálculo levou em consideração o aumento das infecções e se o tempo de duplicação for consistente, o aumento será exponencial nas próximas semanas.

Por exemplo, em 25 de dezembro no Panamá, 827 casos de Covid-19 foram notificados, mas cinco dias depois, o número de infectados dobrou para 2.664.

“Temos mais algumas semanas para saber o impacto desta nova variante. Ômicron será sentido nas próximas duas ou quatro semanas “, disse ele.

A este respeito, o Ministro da Saúde, Luís Francisco Sucre, convidou a população que não cumpriu o seu calendário de vacinação a ir voluntariamente para os mais de 100 postos que possuem a Operação PanavaC-19.

Nesta semana, o Superior Tribunal de Justiça também confirmou medidas cautelares de prisão preventiva para 52 pessoas presas por ligações com a gangue criminosa colombiana El Clan del Golfo.

Após 10 dias de audiência, o órgão judicial estimou que existem riscos de desatenção ao processo, destruição de provas e perigo para a comunidade no caso dos detidos durante a Operação Fisher, em 1º de dezembro.

O Clan del Golfo controla a produção de cerca de 300 toneladas de cocaína, com destino aos Estados Unidos e Europa, um terço das quais vem da Colômbia e sua rede chega a 28 países.

rgh / ga / sc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.