18 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Palestina denuncia agressões israelenses e alerta para consequências

Palestina, denuncia, agresiones, israel

Palestina denuncia agressões israelenses e alerta para consequências

Ramallah, 27 dez(Prensa Latina) O governo palestino advertiu hoje que Israel está brincando com fogo ao intensificar seus ataques contra a Cisjordânia e a Faixa de Gaza, enquanto promove uma mudança de política caso Tel Aviv mantenha sua estratégia.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Não permitiremos que as agressões das forças de ocupação e seus colonos continuem, disse o porta-voz da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Nabil Abu Rudeina, em um comunicado.

O porta-voz descreveu as recentes incursões de colonos nas aldeias palestinas de Burqa, Sebastia e Bazariya como ataques terroristas, causando mais de 250 feridos e danos materiais significativos.

Se Israel continuar sua ofensiva, o Conselho Central da Organização para a Libertação da Palestina, em sua próxima reunião em janeiro, tomará decisões políticas cruciais “para uma nova etapa”, frisou.

Em setembro passado, o presidente da ANP, Mahmud Abás, deu a entender que o governo palestino deixaria de reconhecer as fronteiras de fato antes da guerra de 1967, se Tel Aviv continuasse com suas agressões.

O ministro palestino de Assuntos Civis, Hussein al Sheikh, denunciou ontem a crescente violência exercida por colonos israelenses contra os habitantes da Cisjordânia e de Jerusalém Oriental.

Instamos a comunidade internacional a proteger o povo palestino, “que está sendo assassinado enquanto suas casas e terras são queimadas por gangues racistas organizadas”, escreveu ele no Twitter.

Na semana passada, o Euro-Mediterranean Human Rights Monitor afirmou que os ataques sistemáticos de colonos contra palestinos são patrocinados pelo Estado com o apoio do Exército.

Segundo várias estimativas, mais de 600.000 israelenses vivem na Cisjordânia e em Jerusalém Oriental, que a comunidade internacional considera parte do futuro Estado palestino.

jf / rob / glmv

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.