24 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Rússia exige garantias imediatas de segurança do Ocidente

Vladimir-Puti--seguridad-jurdicas--Occidente-Estados-Unidos--la-OTAN.

Rússia exige garantias imediatas de segurança do Ocidente

Moscou, 25 dez (Prensa Latina) O presidente russo Vladimir Putin deixou claro esta semana que as garantias de segurança jurídica imediata devem ser dadas pelo Ocidente, e não pelo Kremlin, ao explicar as propostas apresentadas aos Estados Unidos e à OTAN.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Nos últimos dias, o líder russo falou por telefone sobre este e outros assuntos com o presidente francês Enmanuel Macron, o chanceler alemão Olaf Scholz, o primeiro-ministro luxemburguês Xavier Bettel, e uma semana antes com o presidente finlandês Sauli Niinisto e o primeiro-ministro britânico Boris Johnson.

Em cada conversa com seus colegas e em sua conferência de imprensa anual, Putin exigiu que a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) interrompesse seu avanço para o leste e expressou preocupação com a situação na Ucrânia, que também se tornou uma ameaça potencial para seu país.

Durante seu diálogo com jornalistas na quinta-feira, o chefe de Estado disse que Moscou havia deixado “alto e claro” que tal situação era inaceitável e que as ações de seu país não dependeriam do curso das negociações com Washington e a OTAN, mas da própria segurança da Rússia.

“Nós colocamos mísseis ao longo das fronteiras dos Estados Unidos? Não. São os Estados Unidos com seus mísseis que chegaram à nossa casa, estão à nossa porta”, enfatizou ele.

O presidente russo perguntou se é uma exigência rara e excessiva que o Ocidente não coloque mais sistemas de mísseis perto da Rússia, enquanto questionava qual seria a reação dos EUA se Moscou colocasse seus mísseis na fronteira do México ou do Canadá.

São os países da OTAN que deveriam “imediatamente, agora” dar garantias de segurança à Rússia, e não o contrário, disse ele, respondendo a uma pergunta sobre quais garantias Moscou pode dar de que não atacará a Ucrânia ou qualquer outro Estado soberano.

De acordo com Putin, não é o lado russo que cria ameaças a outros países. “Será que chegamos às fronteiras dos Estados Unidos ou às fronteiras do Reino Unido? Eles vieram para cá. E agora eles dizem que a Ucrânia estará na OTAN. Então os sistemas também serão colocados lá”, disse ele.

Para o presidente, a Rússia foi “descaradamente enganada” quando, nos anos 90, a Aliança Atlântica garantiu que não cresceria para o leste.

Ele advertiu que, desde então, houve cinco ondas de expansão da OTAN e denunciou o fato de seus sistemas de armas estarem agora implantados na Romênia e na Polônia, enquanto se fala em implantá-los na Ucrânia. Putin reiterou que seu país havia formulado construtiva e rapidamente e enviado suas propostas sobre garantias de segurança a Washington e ao bloco militar euroatlântico.

Ele observou que Moscou está pronta para discutir esses documentos na plataforma da Organização para Segurança e Cooperação na Europa.

Ele disse que até agora seu país vê uma resposta positiva dos EUA às suas propostas sobre garantias de segurança jurídica.

“Nossos parceiros americanos nos dizem que estão prontos para iniciar esta discussão, estas negociações, no início do ano em Genebra. Foram nomeados representantes de ambos os lados. Espero que a situação evolua nessa direção”, frisou o presidente russo.

rgh/mml/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.