22 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Avanço da Ômicron é destaque em semana natalina nos Estados Unidos

Omicron-EEUU-300x200

Avanço da Ômicron é destaque em semana natalina nos Estados Unidos

Washington, 25 dez (Prensa Latina) A propagação do Ômicron, uma variante do coronavírus SARS-CoV-2 que causa mais de 70% dos casos de Covid-19 nos Estados Unidos, marcou os dias que antecederam o Natal, feriado celebrado aqui hoje.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Várias companhias aéreas, incluindo United e Delta, cancelaram quase 850 viagens no sábado, somando aos mais de 680 voos suspensos no dia anterior devido à falta de pessoal devido ao atual cenário epidemiológico, de acordo com dados compilados pela FlightAware.

Além disso, algumas igrejas informaram que realizarão missas tradicionais de Natal ao ar livre e até mesmo virtualmente, incluindo a Catedral Nacional de Washington D.C., que tradicionalmente recebe mais de 15.000 pessoas e nesta ocasião não permitirá a entrada de adoradores ou visitantes.

O número médio de casos nos Estados Unidos aumentou hoje para mais de 190.000 por dia e apenas 62% da população foi totalmente vacinada, de acordo com estatísticas do The New York Times.

Estados como a Flórida e Nova York relataram recentemente um número recorde de infecções e a mídia mostrou imagens de como em algumas cidades, como esta capital, há uma proliferação de filas de pessoas fazendo fila para testes diagnósticos.

Apesar do contexto de saúde desfavorável, milhões de cidadãos persistem em suas viagens de Natal.

A administração de transportes relatou cerca de 2,1 milhões de pessoas nos aeroportos dos EUA, mais do que no ano passado, nesta época do ano.

Nesta semana, o governo dos EUA anunciou que implementará um novo plano para conter Ômicron, mas para os especialistas as medidas apresentadas são tardias e insuficientes.

De acordo com a nova estratégia, apresentada pelo Presidente Joe Biden, a partir de janeiro o governo distribuirá 500 milhões de testes diagnósticos gratuitos e enviará 1.000 médicos militares, enfermeiros e paramédicos para os centros de saúde mais sobrecarregados.

Estas ações vêm em um momento difícil para Biden, que prometeu frear a pandemia, e agora a Covid-19 está reclamando a vida de mais de mil americanos todos os dias e se espalhando a um ritmo espantoso.

Os Estados Unidos são a nação com os piores números mundiais desde que a Organização Mundial da Saúde declarou a Covid-19 uma pandemia em março de 2020.

Mais de 800.000 pessoas já morreram aqui desde então.

rgh/avr/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.