23 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Surtos de Covid-19 atingiram duramente a aviação chinesa

China, tráfico, aéreo, reducción, Covid-19

Surtos de Covid-19 atingiram duramente a aviação chinesa

Beijing, 15 de dez (Prensa Latina) O tráfego aéreo da China foi reduzido à metade em novembro passado, continuando assim a tendência de queda observada neste ano, devido aos frequentes surtos de Covid-19 no país, segundo estatísticas oficiais hoje confirmadas.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Um relatório da Administração Nacional de Aviação Civil detalhou que no mês anterior houve uma queda anual de 51,5 por cento no número de voos comerciais, à medida que as regiões afetadas pela doença cortaram ligações como medida preventiva.

Centenas de passagens foram reembolsadas pelas principais operadoras Air China, China Eastern Airlines e China Southern Airlines para rotas domésticas, mas também internacionais, como resultado do surgimento da variante Ômícron do coronavírus SARS-CoV-2.

Beijing reduziu a chegada de voos domésticos de áreas com risco de contágio do vírus desde novembro, ao se preparar para sediar as 24º Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Inverno nos próximos meses de fevereiro e março.

Além disso, o país cortou de 644 para 408 as ligações internacionais que sairão e chegarão ao seu território a partir deste inverno até março de 2022, o que se traduzirá em uma queda de 21,1% no total de voos disponíveis e acentuará a incerteza sobre quando as fronteiras serão reabertas para estrangeiros.

Analistas descartam uma melhoria para a indústria nos próximos feriados do Ano Novo Lunar (a alta temporada de viagens) à medida que mais e mais cidades desencorajam seus habitantes, trabalhadores e líderes de se mudarem para outras regiões com incentivos, temendo surtos de Covid -19.

A situação epidemiológica afetou este período e as férias de verão de 2021.

A China conta com sua estratégia de tolerância zero à Covid-19 devido à presença da variante “Ômicron em seu solo, as principais empresas farmacêuticas estão trabalhando em projetos de vacinas para neutralizá-la e a eficácia de um medicamento específico contra a doença já foi comprovada.

rgh / ymr / fav

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.