27 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Destacam em Cuba conquistas da vacinação em massa contra Covid

Destacam em Cuba conquistas da vacinação em massa contra Covid

Havana, 10 dez (Prensa Latina) A vacinação contra Covid-19 de mais de um milhão de crianças em Cuba constitui uma conquista da medicina e da ciência desta nação que garante todos os direitos das crianças, destacaram hoje várias instituições de saúde.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

“Apesar do bloqueio genocida que os Estados Unidos impõem a Cuba, somos o único país que conseguiu vacinar maciçamente suas crianças maiores de dois anos. Mais de 1.631.000 crianças receberam o esquema de vacinação completo. #CubanosConDerechos # CubaPorLaVida”, disse o Ministério da Saúde Pública no Twitter.

Em todo o mundo, o Dia Mundial dos Direitos Humanos é comemorado neste dia, e esta ilha caribenha lidera o número de vacinados contra Covid-19 na América Latina e ocupa o segundo lugar globalmente com mais de 9.300.000 pessoas com calendário de imunização completo (83,3 por cento de seu total população).

“A humanidade tem direito aos resultados científicos e às suas vacinas. Em Cuba, os adultos e, especialmente as nossas crianças, têm acesso às vacinas, a prioridade é a saúde das pessoas. #DDHHCuba”, escreveu o diretor do Instituto Finlay de Vacinas, Vicente Vérez na mesma rede social.

Esta instituição, a cargo dos imunógenos Soberana 01, Soberana 02 e Soberana Plus, também falou sobre a data na rede social e destacou que, enquanto os organismos internacionais expressam grande preocupação com a disparidade global no acesso às drogas, em Cuba todas as crianças já foram imunizados.

Outra conquista da ilha na área da saúde são os laboratórios de tecnologia do Sistema Ultra Micro Analítico (SUMA), sobre os quais o Centro de Imunologia Molecular afirma que todos os cidadãos têm direito a eles e estão à disposição da população do país desde antes do nascimento .

Esses avanços e muitos mais são possíveis apesar do bloqueio econômico, financeiro e comercial imposto pelos Estados Unidos há mais de 60 anos e intensificado durante o governo de Donald Trump (2017-2021).

A este respeito, o primeiro secretário do Comitê Central do Partido Comunista de Cuba e Presidente da República, Miguel Díaz-Canel, destacou hoje que o bloqueio é a mais longa e massiva violação dos direitos humanos de um povo inteiro.

“Com resistência e criatividade vamos derrotá-lo. Somos #CubanosConDerechos. #CubaVive”, escreveu ele no Twitter.

Recentemente, a vice-ministra da Saúde, Carilda Peña, explicou em reunião com representantes da França e da União Europeia que esta política cruel causou a perda de mais de 3,7 bilhões de dólares no setor e somente entre abril e dezembro deste ano a cifra ultrapassou 198 milhões.

No entanto, ela ressaltou que esta nação soube lidar com a pandemia e ser o único território da América Latina a desenvolver suas próprias vacinas anti-Covid-19.

Além das vacinas da linha Soberana, encontram-se os produtos do Centro de Engenharia Genética e Biotecnologia: Abdala e Mambisa.

gas / cdg / hb

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.