22 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Reino Unido começa a exigir o teste negativo de Covid-19 dos viajante

Reino Unido começa a exigir o teste negativo de Covid-19 dos viajante

Londres, 7 dez(Prensa Latina) O Reino Unido começou hoje a exigir um teste Covid-19 negativo de todos os viajantes internacionais, como parte do endurecimento das medidas sanitárias para tentar conter a propagação da variante ômicron.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O resultado deve ser apresentado nos pontos de embarque com destino ao território britânico, independentemente dos passageiros estarem ou não vacinados contra o coronavírus SARS-CoV-2, e o exame deve ser realizado no prazo máximo de 48 horas antes da partida. .

Os recém-chegados também precisarão fazer outro teste de PCR no segundo dia de chegada e serão mantidos em isolamento até que os resultados do laboratório sejam recebidos.

A medida, que é um golpe para o setor de viagens, junta-se ao fechamento das fronteiras com uma dezena de países africanos e ao restabelecimento da obrigatoriedade do uso da máscara nos transportes públicos e espaços fechados imposta na semana passada por Londres, após a identificação da nova variante na África do Sul.

Apesar disso, a cepa continua a se espalhar no Reino Unido, onde nas últimas horas foram detectados mais de 90 casos positivos para ômicron, em um total de 336 infecções.

Segundo o ministro da Saúde, Sajid Javid, muitos dos infectados não possuem vínculo com viagens internacionais, portanto, a conclusão é que há transmissão comunitária da variante em várias partes do país, mas principalmente na Inglaterra, que acumula 261 das infecções, enquanto a Escócia e o País de Gales têm 71 e 4, respectivamente.

Embora ainda não haja muitos dados disponíveis sobre a ômicron, os especialistas temem que seja mais contagiosa do que a delta, que agora é responsável por 99% dos casos relatados no Reino Unido, ou que possa escapar do efeito protetor das vacinas.

A Agência de Segurança de Saúde Pública garantiu, por sua vez, que até o momento não há evidências de que alguma das pessoas infectadas com ômicron tenha precisado de internação, o que pode indicar que elas apresentem apenas sintomas leves da doença.

oda/nm/cm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.