18 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Presidente peruano acaba rodada de diálogo sobre tentativa de depô-lo

Perú, presidente, Castillo, denuncia

Presidente peruano acaba rodada de diálogo sobre tentativa de depô-lo

Lima, 6 dez (Prensa Latina) O presidente Pedro Castillo encerrará hoje um diálogo com os líderes do partido sobre a tentativa de exonerá-lo do cargo, após expectativas sobre um relatório que supostamente determinaria sua exoneração.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O presidente receberá no Palácio do Governo os líderes dos grupos de esquerda Perú Libre, Vladimir Cerrón e Juntos pelo Peru, Roberto Sánchez, assim como os líderes da centrista Acción Popular, Mesías Guevara.

A Presidência também programou reuniões com os chefes da Renovación Nacional, Rafael López e Fuerza Popular, Keiko Fujimori, mas ambos os partidos de extrema direita, promotores da chamada vacância (impeachment), ratificaram sua recusa em falar com o chefe de Estado.

As conversas foram precedidas ontem à noite por uma reportagem amplamente divulgada pela estação de televisão América, que ofereceu apenas uma gravação de áudio na qual uma pessoa próxima ao presidente se oferece para fornecer à estação uma entrevista com Castillo em troca de não publicar uma reportagem.

Esse material foi publicado no domingo anterior e mostrou visitas a Castillo por empresários e funcionários a um local onde ele estava hospedado durante a campanha eleitoral e que pertence a Segundo Sánchez, que no áudio da noite passada oferece a entrevista com Castillo.

Na sexta-feira passada, o presidente falou com os líderes da Alianza para el Progreso, Podemos Perú, Somos Perú e Partido Morado.

O secretário geral da Avanza País, terceiro promotor da vaga, participou apesar da rejeição do grupo encabeçado pelo economista neoliberal Hernando de Soto.

O último dia do diálogo está ocorrendo em meio às expectativas para a sessão plenária de amanhã do Congresso, que discutirá se deve ou não debater a controversa moção de abertura de vagas, cujos fracos argumentos levaram a congressista de direita Alejandra Tudela a propor uma ampliação do texto.

A legisladora disse esperar que o projeto de lei chegue aos 52 votos necessários para entrar em um debate substantivo no Congresso, após o que precisaria de 87 votos para ser aprovado e defenestrar Castillo.

oda/mrs/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.