20 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Campanha eleitoral do Chile cresce, Boric começa como favorito

Chile, campaña, electoral, Gabriel Boric

Campanha eleitoral do Chile cresce, Boric começa como favorito

Santiago do Chile, 6 dez (Prensa Latina) Os candidatos chilenos continuam hoje sua campanha para atrair o maior número de eleitores na reta final da corrida presidencial, onde o candidato de esquerda, Gabriel Boric, é o favorito.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Faltando apenas duas semanas para a rodada decisiva, tanto o concorrente progressista da coalizão Apruebo Dignidad quanto seu adversário, o de extrema-direita José Antonio Kast, da Frente Social Cristã, estão percorrendo regiões do norte, centro e sul do país para convencer os cidadãos de seus programas governamentais.

O candidato de esquerda e seu comando iniciaram as viagens “A rota da esperança” e “Um milhão de portas para Boric”, com as quais pretendem alcançar os lugares mais remotos com suas propostas sobre saúde, educação, pensões, segurança, economia, descentralização e luta contra a corrupção.

“Vamos percorrer o Chile inteiro conversando com você. Queremos abrir um milhão de portas para lhe falar sobre o melhor país que estamos propondo”, escreveu Boric em sua conta no Twitter.

Enquanto isso, Kast fez uma visita neste fim de semana à cidade de Calama, na região norte de Antofagasta, onde trabalhadores da Corporação Nacional do Cobre (Codelco) o declararam persona non grata.

Em uma publicação, as afiliadas da Codelco declararam que as propostas do candidato de extrema-direita são um grande passo atrás nas questões trabalhistas, civis, democráticas, ambientais e, acima de tudo, no setor de mineração.

“Seu programa não inclui as principais demandas dos movimentos sociais e é também uma ameaça à mulher e à igualdade de gênero”, adverte o comunicado.

Durante um evento na colina de San Cristóbal, na capital, Kast recuou em sua proposta de fechar o Ministério da Mulher e reconheceu que esta ideia era um erro, o que foi interpretado aqui como uma estratégia política para capturar o voto das mulheres.

Além de sua implantação no campo, esta semana os aspirantes ao Palácio de La Moneda estão fazendo sua propaganda na televisão com o chamado “espaço eleitoral”, um programa diário de 10 minutos que se estenderá até 16 de dezembro.

Todas as pesquisas mostram o vencedor no segundo turno como o candidato de Apruebo Dignidad, uma aliança formada pelo Partido Comunista, Revolución Democrática, Convergencia Social, Comunes e a Federación Regionalista Verde Social.

A pesquisa Plaza Pública Cadem, publicada na sexta-feira antes da proibição de divulgação das pesquisas de opinião, dá a Boric 40% dos votos, contra 35% para Kast.

Em outras pesquisas realizadas por Tú Influyes e Pulso Ciudadano, a liderança do porta-estandarte de esquerda é de mais de 10 pontos.

Mais de 15 milhões de chilenos serão chamados às urnas em 19 de dezembro para escolher o próximo presidente entre dois modelos diferentes do país: um comprometido com a mudança e outro ancorado na era da ditadura de Augusto Pinochet (1973-1990).

oda/car/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.