22 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Impunidade e agitação popular, duas faces na semana uruguaia

impunidade-e-agitacao-popular-duas-faces-na-semana-uruguaia

Impunidade e agitação popular, duas faces na semana uruguaia

Montevidéu, 4 dez (Prensa Latina) A promoção da impunidade repressiva e as denúncias de medidas impopulares do partido no poder foram faces da mesma moeda que deixou hoje uma semana de tensões políticas e sociais no Uruguai.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A mobilização das organizações populares uruguaias contra a libertação dos repressores da ditadura de 1973 a 1985 interrompeu a tramitação de um projeto de lei promovido pela coalizão de direita no poder.

O grupo de Parentes de Detidos Desaparecidos durante esses anos de terrorismo de Estado liderou uma convocação conjunta para marchar no dia 9 de dezembro em Montevidéu “pela verdade, memória e justiça”.

O apelo foi acompanhado pela central sindical Pit-Cnt, pela Associação dos ex-políticos Crysol, pela Federação Uruguaia de Cooperativas de Cooperativas de Auxílio Mútuo (Fucvam e Federação dos Estudantes Universitários).

O presidente do Pit-Cnt, Marcelo Abdala, disse que as organizações populares dos campos discordam de um projeto canalizado pelo partido Cabildo Abierto, da coalizão de governo apresentada para beneficiar presos que completaram 65 anos, na verdade foi concebido para 20 ex genocidas. -militares.

Enquanto isso, Fucvam mostrou que a questionada Lei de Consideração de Urgência (LUC) no Uruguai introduziu despejos rápidos para maus e bons pagadores, proporcionando mais condições para grandes proprietários despejar abruptamente inquilinos.

Por sua vez, o dirigente do Sindicato das Telecomunicações do Uruguai, Gabriel Molina, reiterou as advertências anteriores de que a introdução da portabilidade dos números telefônicos pela atual diretoria da estatal Antel só beneficiará a concorrência privada e o consórcio que administrará esse sistema.

Levantamento da consultoria Cifra mostrou que para 51% da população uruguaia o maior problema de seu país está na economia, decifrada na falta de trabalho, pobreza, salários insuficientes e inflação.

Por outro lado, o Ministério do Interior do Uruguai registrou 21 feminicídios e 17 tentativas durante os primeiros 10 meses deste ano, cinco a mais que em 2020, e recebeu 31.661 denúncias “por violência doméstica e associados”, o que se traduz em uma média de 104 por dia ou um a cada 14 minutos.

Esta semana termina com o encerramento da campanha para a eleição da presidência da Frente Ampla, que se realiza amanhã domingo e para o ex-dirigente sindical Fernando Pereira, o deputado socialista Gonzalo Civila e a ex-senadora Ivonne Passada.

A força política de esquerda ratificou a seus adeptos que com seu voto decidem seu futuro em seis eleições simultâneas, para presidências nacionais e departamentais, setores e candidatos em listas para as respectivas sessões plenárias.

msm / hr /ml

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.