23 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Informe sobre traumas oculares durante greve será exposto na Colômbia

Informe sobre traumas oculares durante greve será exposto na Colômbia

Bogotá, 26 nov (Prensa Latina) A organização não governamental Temblores apresentará hoje o relatório Tiros a la vista, que dará detalhes sobre o trauma ocular causado pelos policiais aos manifestantes no contexto da greve nacional na Colômbia.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em 28 de abril, começou uma onda de manifestações contra o governo de Iván Duque, considerado o maior levantamento social dos últimos 70 anos neste país.

As manifestações, que incluíram uma ampla gama de reivindicações, incluindo o cumprimento do Acordo de Paz, a isenção de mensalidades para estudantes universitários, a retirada da reforma fiscal proposta pelo governo, entre outras, duraram cerca de três meses em todo o país.

Diante de tal panorama, a administração de Iván Duque autorizou uma forte mobilização policial e militar para contrariar as manifestações, que eram geralmente reprimidas todas as noites pelos fardados, especialmente pelo Esquadrão Móvel Anti-Manifestação (Esmad).

Esta força policial de elite tem sido responsabilizada por um grande número de violações dos direitos humanos no contexto da greve, como abuso sexual, tortura, assassinato, intimidação, traumas oculares, entre outros.

O número de pessoas com mutilações oculares tornou-se um dos marcadores da violência policial durante a greve, que por meio da plataforma Grita! Temblores relatou mais de 100 casos, 50 por cento deles perpetrados na capital.

O relatório será apresentado em conjunto com outras organizações de direitos humanos, tais como o Programa de Ação para a Igualdade e Inclusão Social da Universidade de Los Andes (Paiis).

Este documento, explicou a diretora da Paiis Juliana Bustamante a uma estação de rádio local, revelará um suposto uso deliberado de armas pelo Esmad contra manifestantes durante os dias da greve nacional.

Este tipo de ataque aos olhos pode ser entendido como uma prática importada do Chile, onde nas manifestações maciças que ocorreram principalmente entre outubro de 2019 e março de 2020, ocorreram mais de 400 casos de mutilação ocular.

jha/otf/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.