13 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Menos casamentos e nascimentos no Brasil em 2020 devido à pandemia

Brasil, Covid-19, matrimonios, nacimientoss

Menos casamentos e nascimentos no Brasil em 2020 devido à pandemia

Brasília, 18 Nov(Prensa Latina) O número de registros de casamento e nascimento no Brasil caiu em 2020 em relação a 2019, segundo estudo publicado hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Os casamentos civis caíram 26,1%, a maior queda da série histórica do IBGE, e em 2020 foram notificados 757.179 ante os 24 mil 676 milhões do calendário anterior.

Desde 2015, o número de núpcias diminuiu, mas as medidas de isolamento social, devido à pandemia do Covid-19, aumentaram o declínio.

A taxa caiu em todas as regiões, com maior intensidade no Nordeste (27,8 por cento), Centro-Oeste (27,7) e Sudeste (27,3).

O estudo do IBGE mostra ainda que o número de registros de nascimento também despencou entre 2019 e 2020.

A diminuição foi de 4,7 por cento, após a redução de três por cento em 2019, e no ano seguinte ocorreram 2.728.273 nascimentos.

Houve colapso em todas as regiões, sendo superior à média nacional no Norte (-6,8 por cento) e Nordeste (-5,3), e igual ou menor no Centro-Oeste (-4,7), Sudeste (-4,3) e no sul (-3,1).

Amapá aparece como o estado com a maior queda (-14,1%), seguido por Roraima (-12,5), Acre (-10) e Amazonas (-7,4).

“Observamos uma tendência de queda na taxa de natalidade. Em 2016, ano da epidemia do vírus Zika, houve uma queda maior, superior a cinco por cento. Mas em 2019, em que não houve ocorrências, tivemos uma redução de nascimentos “, explicou a gerente de estatísticas do Registro Civil do IBGE, Klivia Brayner.

De acordo com pesquisas, as mulheres estão cada vez mais adiando a maternidade.

Em 2000, os registros de nascimento, cujas mães tinham menos de 30 anos, eram 76,1 por cento do total e, em 2020, foram reduzidos para 62,1.

Quanto aos registros de nascimento, cujas mães têm entre 30 e 39 anos, em 2000 eram 22 por cento e em 2020 chegarão a 34,2.

mem/ocs/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.