27 de November de 2021

NOTICIAS

Apoio a Cuba cresce na Alemanha diante de ações desestabilizadoras

Apoio a Cuba cresce na Alemanha diante de ações desestabilizadoras

Berlim, 16 nov (Prensa Latina) Uma Jornada pela Dignidade e Soberania do povo cubano continua hoje nesta capital e em outras cidades alemãs, em meio à crescente rejeição às recentes ações intervencionistas contra o país caribenho, disse um porta-voz.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A assessoria de imprensa dos organizadores destacou esta terça-feira que desde 15 de novembro passado também se realizam ações de apoio à Revolução Cubana nas cidades de Hamburgo e Colônia, das quais participam militantes de diversas organizações, entre elas a Esquerda Socialista Democrática e a Associação de Amizade Alemanha-Cuba .

Também aderiram a esta campanha membros da Federação Socialista de Estudantes Alemães, do partido Die Linke, da Juventude Socialista Operária Alemã, do Grupo Cuba Sí Regional e da organização Voz Latina, que realizaram vários atos de solidariedade com aquela nação.

Em Berlim, os manifestantes levaram cartazes e distribuíram folhetos nos quais expressaram seu repúdio à ingerência externa contra Cuba, bem como sua condenação ao bloqueio econômico, comercial e financeiro dos Estados Unidos à ilha.

A praça Ida-Ehre-Platz, em Hamburgo, foi palco de um ato público em que vários palestrantes denunciaram as manobras subversivas dirigidas e financiadas pelo Governo norte-americano, e também destacaram os avanços da nação antilhana em saúde, educação e cultura.

Vários grupos de amizade com Cuba organizaram uma noite na cidade de Colônia em apoio à Revolução e ao povo daquele país, onde os participantes também expressaram seu repúdio aos planos de desestabilização contra ela e receberam informações sobre sua situação atual, com o retorno para o novo normal.

Nesse ato destacou-se que graças aos avanços no controle da pandemia Covid-19, a partir desta segunda-feira se iniciou a reabertura ao turismo internacional e se retomaram as aulas presenciais nas escolas cubanas, com crianças e jovens já vacinados.

mgt / ort / hb

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.