30 de November de 2021

NOTICIAS

Cuba promove análise da crise global desde uma visão latino-americana

Cuba promove análise da crise global desde uma visão latino-americana

Por Isaura Diez Millán
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Havana, 1 nov (Prensa Latina) A VI Conferência de Estudos Estratégicos analisará a crise multidimensional a partir de uma perspectiva latino-americana, permitirá a aplicação da ciência na política externa e ajudará a prever cenários futuros, confirmou hoje um dos organizadores.

Falando exclusivamente ao Prensa Latina, José Ramón Cabañas, diretor do Centro de Pesquisa de Políticas Internacionais (CIPI) de Cuba, disse que a reunião virtual acontecerá em três painéis de 24 a 26 de novembro, copatrocinada pelo Conselho Latino-Americano de Ciências Sociais.

Sob o tema central “Saúde, meio ambiente, sistemas políticos e crises de liderança: um cenário de incerteza para as relações internacionais”, os participantes também abordarão a recuperação após a Covid-19 e como cada estado está lidando com a pandemia.

Segundo Cabañas, os membros do painel analisarão as mudanças no conceito de soberania, entendida como a capacidade ou incapacidade das nações de enfrentar situações como esta.

“Temos visto uma tendência a reduzir a solução da epidemia ao uso de vacinas, e pela experiência cubana sabemos que também é importante ter um sistema de saúde para trabalhar na prevenção com um único protocolo de ação, algo que falta aos países desenvolvidos”, explicou ele.

Na primeira parte do evento, os especialistas discutirão a saúde, o meio ambiente e a tecnologia como áreas de disputa estratégica.

A este respeito, Cabañas enfatizou a importância de avaliar a crise de liderança resultante destes fenômenos, fato que ocorre em setores à esquerda ou à direita e afeta as nações independentemente de seu desenvolvimento econômico.

Os participantes também avaliarão o papel da tecnologia como um parâmetro que afeta a hegemonia e as relações de poder em escala global, sendo um dos exemplos mais claros o declínio dos Estados Unidos em relação à China, apontou ele.

Os outros dois eixos do evento tratarão da nova geografia do poder em nível global: impactos regionais e novas alianças, assim como o discurso político extremo e a negação da realidade: a infoxicação e o mundo virtual criado a partir de plataformas digitais.

Segundo o diretor da CIPI, o importante é ver o fenômeno de um ponto de vista político, já que estas tecnologias existem para um propósito que, além de dominação e manipulação, perturba o tecido sociocultural das sociedades.

Por causa dos temas tratados, a Conferência de Estudos Estratégicos constitui um feedback que contribui para a região e especificamente para Cuba, onde está sendo preparado um anuário sobre cenários de política externa para os próximos quatro anos, comentou ele.

mem/idm/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.