29 de November de 2021

NOTICIAS

Cientistas do Uruguai alertam sobre a circulação do Covid-19

Uruguay, Covid-19, científicos

Cientistas do Uruguai alertam sobre a circulação do Covid-19

Montevidéu, 31 out (Prensa Latina) O infectologista uruguaio Henry Albornoz alertou hoje, "sem intenção de alarmar", contra a crença de que o vírus SARS-CoV-2, causador do Covid 19, deixará de circular em curto prazo.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

“Estávamos com números estáveis, mas os casos aumentaram e nunca ficamos abaixo de um índice de risco amarelo na escala de Harvard”, disse ele ao analisar a situação atual de seu país.

O Ministério da Saúde Pública notificou 264 novos casos positivos em todo o território nacional, sendo 2.258 convalescentes e 23 deles em centros de cuidados intensivos (CTI).

Além da recente entrada do departamento de Lavalleja na zona vermelha de risco de contágio, nas últimas 24 horas Tacuarembó e Colônia passaram do amarelo ao laranja. Albornoz destacou que “há incertezas, fala-se de um possível Delta Plus e acho que ainda temos circulação viral por algum tempo”.

Segundo explicou, o vírus ainda apresenta períodos muito intensos em que surgem outras variantes diferentes e a comunidade carece de imunidade insuficiente para controlar sua circulação.

Enquanto isso, um relatório do Sistema Nacional de Emergências indicou que 40 por cento dos casos positivos no CTI foram admitidos sem sintomas de Covid-19, dos quais eles descobriram por meio de um teste de PCR de rotina para todos aqueles que recebiam atenção médica do hospital devido a outras doenças .

Para o presidente da Sociedade Uruguaia de Medicina Intensiva, Julio Pontet, são pacientes com doença leve, o que ele atribui em grande parte à vacinação.

Acrescentou, a este respeito, que 80 por cento dos internados no CTI nunca receberam inoculadores e estão acompanhados de comorbidades graves.

Ponte concordou com o ex-coordenador do Grupo Assessor Científico Honorário Rafael Radi sobre ser prematuro declarar que a Covid-19 se tornou endêmica, o que será estabelecido quando “realmente atingirmos nosso novo status quo, ao qual ainda não chegamos”, e entretanto, os desafios de saúde preventiva estão à frente.

jha / hr / hb

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.