9 de December de 2021

NOTICIAS

Cruzada contra Cuba e sua Revolução condenada na França

Cruzada contra Cuba e sua Revolução condenada na França

Paris, 25 out (Prensa Latina) A associação Cuba Si França repudiou hoje a campanha promovida e financiada pelos Estados Unidos para subverter a ordem constitucional na ilha e destruir sua Revolução, cruzada contra a qual ratificou sua solidariedade.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em nota divulgada nas redes sociais, a entidade com mais de 30 anos de acompanhamento ao país caribenho reiterou sua condenação ao bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto por Washington há seis décadas, uma política pautada pelo interesse na mudança de regime.

Denunciamos e condenamos veementemente o bloqueio genocida de sessenta anos ao governo terrorista dos Estados Unidos e qualquer tentativa de destruir o trabalho profundamente humanista de um povo soberano e independente, frisou.

A associação expressou rejeição aos protestos convocados em Cuba para novembro por contra-revolucionários assalariados, que qualificou de ‘manobras violentas e provocações organizadas do exterior, com a intenção de preparar uma intervenção humanitária do Exército dos Estados Unidos’.

Segundo Cuba Si France, esta é uma grave ameaça, se forem levados em conta os antecedentes das ações desestabilizadoras e da mudança de regime orquestradas por Washington contra a Venezuela, Bolívia e outros países.

Nesse sentido, apoiou o direito de defesa do governo e do povo da ilha e, em particular, a ‘justa proibição das manifestações contra-revolucionárias’ ante a ‘pretensão de liquidar a Revolução cubana e substituí-la por um regime mafioso com a bota de Estados Unidos’.

Ratificamos que estamos decididamente ao lado do povo cubano e de seu governo socialista no enfrentamento às reivindicações belicistas de Washington, afirmou a associação criada em 1991 e com uma longa história de atividades em solo francês em apoio à maior das Antilhas.

Nesse sentido, anunciou que realizará novas iniciativas para acompanhar Cuba ante as perigosas agressões estrangeiras e reiterou que defenderá as medidas que a nação caribenha considere oportunas para combatê-las.

acl / wmr / ls

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.