29 de November de 2021

NOTICIAS

Relações Exteriores de Cuba afirma compromisso de defender Revolução

Relações Exteriores de Cuba afirma compromisso de defender Revolução

Havana, 18 out (Prensa Latina) Trabalhadores do Ministério das Relações Exteriores de Cuba ratificaram hoje seu compromisso inabalável de defender a pátria e suas conquistas diante de um cerco com o objetivo de destruir a Revolução.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Através de sua conta oficial no Twitter, o Ministro das Relações Exteriores Bruno Rodríguez compartilhou imagens de um evento realizado nesta capital, em resposta a uma marcha com objetivos desestabilizadores inicialmente convocada para 20 de novembro.

O ‘caráter irrevogável de nosso sistema socialista é a vontade popular e soberana’, comentou o chefe da diplomacia sobre a rede social.

Recentemente, as autoridades de vários municípios descreveram o pedido da marcha como uma provocação de caráter ilegítimo e de dois pesos e duas medidas, e negaram sua realização.

Em cartas publicadas nos websites dessas autoridades, elas enfatizaram que as razões para a iniciativa não são legítimas, e reiteraram que os organizadores da iniciativa estão relacionados a instituições e agências financiadas pelos Estados Unidos, com a clara intenção de modificar o sistema político na ilha.

Vários setores da sociedade civil apoiaram a proibição e reafirmaram seu apoio ao processo revolucionário.

Em uma declaração, a Central de Trabajadores de Cuba rejeitou os apelos à marcha ilegal nesta nação antilhana com o objetivo de promover atos de desestabilização e provocar uma mudança de regime.

mem/cgc/bm/gdc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.