1 de December de 2021

NOTICIAS

Cuba vive um processo gradual de recuperação econômica

Cuba vive um processo gradual de recuperação econômica

Havana, 14 Out(Prensa Latina) O vice-primeiro-ministro e ministro da Economia e do Planejamento de Cuba, Alejandro Gil, afirmou hoje que o país está passando por um processo gradual de recuperação econômica, mas alertou contra a criação de falsas expectativas.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em entrevista coletiva, ele explicou que superar a contração do Produto Interno Bruto (PIB) do ano passado, que foi de 10,9 por cento, leva tempo, principalmente por causa das circunstâncias do bloqueio econômico dos Estados Unidos e da pandemia do Covid-19 mantém os problemas.

No entanto, disse ele, a economia não está parada, não observamos passivamente a situação cubana e internacional, e o tempo todo buscamos soluções.

A esse respeito, destacou que diante da diminuição do número de enfermos e do avanço da vacinação, a nação caribenha empreendeu a reativação das atividades econômicas, que passa pela abertura de alguns serviços e do turismo internacional, em 15 de novembro.

A isso se soma a concretização de medidas como as implementadas nas estatais, principal objeto econômico do país; e no setor privado, com modificações no trabalho autônomo, a partir da ampliação de suas possibilidades de atuação.

Também a aprovação de 162 micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) e seis cooperativas não agrícolas, que já geraram mais de 2.300 empregos.

A este respeito, Gil explicou que numa fase inicial várias empresas privadas tornaram-se MPMEs cuja estrutura apontava para esta nova forma de organização, num processo com ‘um mínimo de burocracia e máximo de agilidade, transparência e confiança do Ministério da Economia para com os candidatos ‘

No entanto, especificou, já existem MPMEs e cooperativas oriundas de novos empreendimentos, e esclareceu que não há limites ou metas para o valor a ser aprovado e que o edital para apresentação da documentação está aberto e não tem prazo de validade.

O vice-primeiro-ministro se referiu ainda as disposições adoptadas para dar maior autonomia às empresas públicas e deu como exemplo positivo do seu impacto que mais de 60 entidades iniciaram processos de remuneração dos trabalhadores sem aplicação de tabelas salariais.

Isso permite que eles paguem de acordo com o desempenho de cada pessoa e os resultados reais da instituição, o que os coloca em melhores condições em relação ao setor privado.

Cuba vive uma situação excepcional de falta de liquidez e aí continua o bloqueio dos Estados Unidos, destacou o Ministro da Economia, que lembrou que foram mantidas as 243 medidas coercitivas aplicadas pelo governo Donald Trump (2017-2021).

Apesar disso, estamos em uma fase de diversificação do tecido produtivo, de flexibilização dos atores econômicos e de outras ações, o que nos permitirá recuperar gradativamente os níveis de produção e abastecimento da população.

mem/kmg/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.