1 de December de 2021

NOTICIAS

China mobiliza mais equipes para províncias atingidas pela chuva

China mobiliza mais equipes para províncias atingidas pela chuva

Pequim, 10 de out (Prensa Latina) O governo central da China destacou hoje mais equipes de especialistas em Shaanxi e Shanxi para apoiar os esforços de emergência face ao desastre causado pelas chuvas incessantes que assolaram as duas províncias desde a semana anterior. Os grupos de especialistas reforçam o trabalho de outras brigadas envolvidas no resgate e assistência às vítimas, bem como na proteção dos recursos materiais para minimizar os danos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Pelo menos 54.000 pessoas foram evacuadas em Shanxi e Shaanxi devido à queda recorde das chuvas e suas consequentes enchentes e deslizamentos de terra.

A primeira demarcação é a mais atingida, registrou a maior enchente em 40 anos do rio Fenhe e as águas romperam uma barragem que afetou um município vizinho.

Enquanto isso, os deslizamentos de terra ligados à tempestade deixaram vários mortos, feridos e casas enterradas sob a lama.

A situação obrigou o governo local a decretar emergência devido a desastres geológicos e interromper as obras em minas, canteiros de obras e centros recreativos. Outras províncias, como Shandong e Henan, também estão sitiadas pelas chuvas, permanecem alertas porque as condições vão durar vários dias e procederam com medidas para mitigar a perda de vidas e proteger o patrimônio econômico.

A China fechou setembro passado com um recorde em décadas de altas temperaturas e chuvas abundantes, em mais uma evidência do impacto das mudanças climáticas nas diferentes estações do ano.

De acordo com o Centro Meteorológico Nacional, entre os dias 1ú e 28 do mês anterior a temperatura média de todo o país foi a mais alta desde 1961, ou seja, 1,5 graus Celsius mais alta.

Em relação às chuvas, o nível registrado em setembro também é considerado o quarto maior em seis décadas, o que equivale a um aumento de 29,7%.

O norte do país recebeu o maior número de chuvas e o volume foi 1,1% superior ao normal naquele mês, precedido por um verão de fortes chuvas.

jcm / ano / sc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.