14 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Presidente de Cuba relembra legado de Ernesto (Che) Guevara

Presidente de Cuba relembra legado de Ernesto (Che) Guevara

Havana, 8 de out (Prensa Latina) O presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, lembrou hoje a herança do revolucionário Ernesto (Che) Guevara, no 54ú aniversário de sua captura e posterior assassinato na Bolívia.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Por meio de sua conta oficial no Twitter, o presidente compartilhou algumas frases do pensamento da chamada Guerrilha Heróica, que remetem à importância da juventude, da ciência e do socialismo.

‘O futuro do país está diretamente ligado ao desenvolvimento da ciência e da tecnologia. Jamais poderemos andar com os próprios pés, enquanto não tivermos tecnologia avançada, baseada na nossa própria técnica, na nossa própria ciência, ‘ subscreveu o chefe de estado.

Outra das frases icônicas de ‘Che’ lembrada por Díaz-Canel foi: ‘Sejamos o pesadelo de quem tenta tirar nossos sonhos’.

Da mesma forma, disse: ‘O argila fundamental do nosso trabalho é a juventude: nela depositamos nossa esperança e a preparamos para tirar a bandeira de nossas mãos’.

Além disso, o presidente evocou a expressão ‘Nós socialistas somos mais livres porque somos mais plenos; somos mais plenos porque somos mais livres (…) Nosso sacrifício é consciente; uma taxa para pagar pela liberdade que construímos’, uma mensagem que acompanhada da hashtag #CheVive.

O médico Ernesto Guevara desembarcou em Cuba junto com o líder revolucionário Fidel Castro e 80 outros expedicionários do iate Granma em 1956 para iniciar a guerrilha contra a ditadura de Fulgencio Batista (1952-1959).

Após o triunfo de 1ú de janeiro de 1959, foi presidente do Banco Nacional e Ministro da Indústria.

Guevara foi um dos fundadores da Agência Latino-americana de Informação Prensa Latina em um momento em que o país caribenho precisava se defender das campanhas na mídia contra a nascente Revolução.

Entre 1965 e 1967 o guerrilheiro argentino-cubano lutou no Congo e na Bolívia, neste último país foi capturado e assassinado pelo Exército, a mando da Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos.

mgt / cgc / mmd

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.