23 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Cuba sofre há décadas as consequências do terrorismo

Cuba sofre há décadas as consequências do terrorismo

Nações Unidas, 6 out (Prensa Latina) Na defesa de sua independência, soberania e dignidade, Cuba sofre há décadas as consequências de atos terroristas, lembrou hoje o representante permanente da ilha junto às Nações Unidas, Pedro Luis Pedroso.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Através de sua conta oficial no Twitter, o embaixador sublinhou como essas ações tiraram a vida de 3.478 pessoas e causaram ferimentos a mais de 2.000.

No dia anterior, em seu discurso ao Sexto Comitê da Assembleia Geral, Pedroso também ilustrou como seu país tem sido historicamente uma vítima do terrorismo.

O diplomata lembrou um dos mais horrendos atos terroristas cometidos contra a nação caribenha: a explosão em pleno voo, ao largo da costa de Barbados, de um avião da companhia aérea Cubana de Aviación, que matou 73 pessoas.

Lamentavelmente, disse o representante permanente, este crime ficou impune.

Pedroso também condenou o ataque terrorista contra a embaixada cubana em Paris em 28 de julho, resultado de uma brutal campanha de incitamento ao ódio, à violência e a atos hostis, gerados com total impunidade em plataformas digitais a partir do território dos Estados Unidos.

Isto constitui uma violação aberta das normas do direito internacional e da Carta das Nações Unidas, sublinhou o diplomata cubano.

Há pouco mais de um ano, a embaixada cubana em Washington foi vítima de outro ataque terrorista quando um indivíduo disparou 32 projéteis de um fuzil semiautomático na sede diplomática, disse ele.

Esta ação colocou em perigo a vida de 10 funcionários que estavam no prédio e até o momento não houve nenhuma declaração do governo dos EUA sobre o assunto, apontou o embaixador.

Em conclusão, enfatizou que atos desta natureza não podem ser tolerados impunemente e pediu à comunidade internacional e à ONU que expressassem sua mais firme rejeição a este flagelo.

Neste 6 de outubro, Cuba comemora o Dia das Vítimas do Terrorismo de Estado, no qual é feita uma homenagem a essas pessoas e a bandeira é hasteada a meia haste, seja em entidades civis e instituições militares, seja em missões diplomáticas e consulares no exterior.

A data comemora o Crime de Barbados, em 6 de outubro de 1976, quando uma aeronave Cubana de Aviación com 73 pessoas a bordo foi bombardeada em pleno voo e todas pessoas foram mortas.

O ataque foi orquestrado pelos notórios terroristas Luis Posada Carriles (1928-2018) e Orlando Bosch (1926-2011), a serviço da Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos.

mem/ifb/bm/gdc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.